Cotidiano

Asteroide pode passar "raspando" na Terra

diario da manha

A NASA divulgou que um asteroide deve passar raspando na Terra no dia 21 de março. Considerado tão largo quanto a Ponte Rio-Niterói e com um quilometro de diâmetro, foi classificado como “potencialmente perigoso”. Contudo, a NASA afirmou que o risco de colidir com a Terra é quase inexistente.

A rocha batizada de 231937 (2001 FO32) será o maior e mais rápido asteroide a passar pelo nosso planeta em 2021. Mesmo não tendo risco de colisão, ele é considerado perigoso devido seu diâmetro superior a 140 metros. Entretanto, para não ser qualificado de risco ele deveria ter uma distância com a Terra inferior a 7,5 milhões de quilômetros.

Já o novo fenômeno ultrapassa todos esses números. O melhor nisso tudo é que segundo os pesquisadores, ele deverá passar a uma distancia de 2 milhões de km da Terra, ou seja, “perto de nós”.

Contudo, nosso novo vizinho foi descoberto pelo programa do MIT Lincoln Laboratory, no dia 23 de março de 2001. Eles são financiados pela Força Aérea dos EUA e pela NASA e monitoram as atividades do asteroide desde então. Segundo o MIT, as informações constataram que ele deve passar “raspando” na Terra, a quase 124 mil km/h.

Leia também:

*Com informações do Uol

Comentários