Cotidiano

Rússia pune Twitter por descumprimento de medida

Twitter não excluiu conteúdo proibido pelo páis

diario da manha

Na Rússia, uma medida de restrição contra o Twitter foi divulgada na última segunda feira (10). O intuito é diminuir a velocidade da rede social como forma de punição, já que a empresa não removeu do site um conteúdo banido pelo país.

O órgão ainda ameaçou proibir totalmente o Twitter, a justificativa é que há mais de 3.000 posts com material ilegal. A rede social é uma das mais usadas pelas pessoas afim de fazer oposição ao presidente Vladimir Putin.

A desaceleração será aplicada a todos os aparelhos moveis e metade dos computadores. Contudo, em nota, foi comunicado que se a empresa Twitter ignorar as obrigações previstas em lei haverá medidas para cumprimento em linha com as regulamentações.

Entretanto, o Twitter ainda não se posicionou sobre a medida imposta. O governo da Rússia, vem tentando influencias as plataformas das redes sociais. Segundo eles as diretrizes não seguem as leis do país.

Contudo, em dezembro de 2020, a câmara dos deputados aprovou novas regras que preveem mudanças nas redes sociais, principalmente aquelas que não tirarem conteúdos proibidos. Existe também uma lei que prevê que elas sejam proibidas caso “discriminem” conteúdo russo.

Comentários