Cotidiano

Saída de Meghan Markle e Harry da família real irá virar filme

Segundo a Variety, o novo filme se chamará "Harry & Meghan: Escaping the Palace" e fará parte de uma trilogia sobre o casal

diario da manha
Saída de Harry e Meghan Markle da realeza vai virar filme Foto/Reprodução - Popsugar

O desligamento de Meghan Markle e Harry da família real vai virar filme, de acordo com informações do portal Deadline publicadas nesta quarta-feira (24), o canal pago Lifetime planeja seu terceiro filme sobre a vida do príncipe Harry e da esposa, Meghan Markle.

O novo longa deve se chamar Harry & Meghan: Escaping the Palace (Harry & Meghan: Fugindo do Palácio, na tradução livre).

O projeto foi aprovado após a transmissão da polêmica entrevista do casal para a apresentadora Oprah Winfrey. Na conversa, os dois abriram o jogo sobre seus conflitos com a família real  e explicaram o cenário que culminou com a opção por sair da realeza e fazer a vida fora da Inglaterra.    

A entrevista para Oprah Winfrey, nos Estados Unidos pelo casal real deixaram muita gente chocada, um assunto bem pesado foi que as relações com a família real estava afetando a saúde mental do casal, Meghan, contou que precisou lidar com diversos problemas relacionados a sua saúde mental e até mesmo perdeu a vontade de viver.

Príncipe Harry e Meghan Markle em entrevista bombástica com Oprah Winfrey
Foto/Reprodução – Uol

“Eu tive muita vergonha de dizer naquela época e tive vergonha de admitir para o Harry, principalmente, porque eu sei quantas perdas ele já sofreu, mas eu sabia que se eu não dissesse, eu iria pra frente com isso. Eu não queria mais viver“, disse.

Em entrevista Harry fala que sua relação com seu pai não vai bem, que depois de se mudar para o Canadá, ele teve 3 conversas com sua avó e 2 com seu pai, mas após isso, Charles parou de atender as ligações do filho. Quando questionado sobre o motivo para isso ter acontecido, Harry disse que estava relacionado ao fato dele ter tomado frente da situação.

“Eu precisava fazer isso pela minha família. Não é uma surpresa, é muito triste que tenha chego a esse ponto, mas eu precisava fazer algo pela saúde mental, tanto a minha quanto da minha esposa, porque eu conseguia ver onde isso ia nos levar“, afirmou.

O filme pretende contar o que “realmente aconteceu” dentro do palácio e revelar o que levou o casal a romper com a família real, detalhando o crescente isolamento e tristeza de Meghan, seu desapontamento porque a coroa não os estava defendendo contra os ataques da imprensa e o medo de Harry de que a história se repetisse e ele não fosse capaz de proteger sua esposa e filho das mesmas forças que causaram a morte prematura de sua mãe, a princesa Diana, em 1997. Além disso, irá abordar as rixas familiares privadas envolvendo o príncipe William e sua esposa, Kate Middleton.

O longa completa uma trilogia com Harry & Meghan (2018), sobre o romance dos recém-casados, e Harry & Meghan: Becoming Royal (2019), sobre o primeiro ano do casal na monarquia.

O filme irá contar o que “realmente aconteceu” dentro do palácio.
Foto/Reprodução – View Sofia

A continuação contará com os mesmos diretor e roteirista dos filmes anteriores, respectivamente Menhaj Huda e Scarlett Lacey. Não está claro se haverá repetição de elenco, uma vez que atores diferentes estrelaram as outras duas produções.

As gravações estão marcadas para esta primavera norte-americana (nosso outono), com o lançamento previsto para o outono (nossa primavera).

Após sua saída da família real, anunciada em janeiro e efetiva desde o início de abril do ano passado, Harry e Meghan mudaram-se ao menos duas vezes. Primeiro, passaram uma temporada em Vancouver, no Canadá. Em março, se estabeleceram em Los Angeles, cidade natal de Meghan nos Estados Unidos, onde agora vivem com o filho Archie, de um ano.

Desde então, os dois insistiram no desejo de trabalhar em causas humanitárias, em particular através de sua nova fundação, Archewell, nome inspirado em seu filho. Além disso, após terem assinado um importante contrato com a Netflix recentemente, Harry e Meghan se associaram por vários anos com o serviço Spotify para produzir um podcast, intitulado Archewell Audio.

A terceira obra da trilogia começará a ser produzida na primavera dos Estados Unidos, outono no Brasil, e contará com atores interpretando os membros da família real. O filme promete expor os motivos que fizeram o casal deixar a família real o que eles viveram quando ainda estavam ligados à coroa britânica.

No mês passado, o casal anunciou ainda que está esperando seu segundo filho.

*Com informações do IG e Gauchazh

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe DM Online www.dm.jor.br pelo WhatsApp (62) 98322-6262 ou entre em contato pelo (62) 3267-1000.

Leia também:

Comentários