Cotidiano

Criança de um ano é morta com 21 facadas pela mãe

A mulher foi encontrada próximo a região do crime e está presa

diario da manha

Uma mulher, de 35 anos, é suspeita de assassinar a própria filha de um ano e dois meses a facadas na última terça-feira, 12, em Barbacena, Minas Gerais. A mãe da menina relata que teve um surto quando estava com a criança no colo e não se recorda do acontecido.

Segundo as investigações da perícia da Polícia Civil, a criança teria sido golpeada de 20 a 21 vezes no rosto e pescoço. No entanto, a arma do crime não foi encontrada e o corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML).

Na ocorrência feita pela avó da criança, o boletim relata que a senhora foi visitar a neta e ao chegar na casa chamou pela filha, que não chegou a atendê-la. A avó notou algo estranho e vizualizou pela janela que a mãe carregava a bebê até a cozinha.

Assim que entrou na casa, a avó foi até a cozinha e viu a criança ferida e caída no chão. Em pânico, a senhora pegou a neta nos braços, colocou sobre uma cama e começou a pedir ajuda gritando na rua. Enquanto isso, a mãe da criança, suspeita de ser autora do homicídio, aproveitou para fugir da residência.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência chegou a ser acionado, mas a criança não resistiu.

Ainda no local do crime, a mulher chegou a ligar para avó e um policial conversou com ela no celular. No boletim, a mãe desorientada dizia que algo horrível havia acontecido na casa, mas que não se recordava com clareza.

A mulher foi encontrada em um bairro próximo a região do crime e ela foi presa. Ainda afirmou ter um surto na cozinha enquanto estava com a criança no colo, e só se lembrava de estar vagando pela rua. As investigações sobre o caso serão concluídas em breve e a mãe foi levada ao Sistema Prisional.

*Com informações do Metrópoles e Bhaz

Leia mais:

Comentários