Cotidiano

1º Viveiro Cerrado do Centro-Oeste será inaugurado em Aparecida

Município será pioneiro no desenvolvimento do Programa Cidades Verdes, em parceria com o Crea-Goiás e ONU-Habitat

diario da manha

A Prefeitura de Aparecida, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma), inaugura nesta segunda-feira, 25, às 8h, o Viveiro Cerrado. O espaço é o primeiro no Centro-Oeste a ser implantado por meio de paceria com o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de Goiás (CREA-GO) e Programa das Nações Unidas para Assentamentos Urbanos (ONU-Habitat). O projeto conta ainda com a parceria da Pacto Global Rede Brasil.

O evento seguirá todos os protocolos de cuidado sanitário, por conta da pandemia, e contará com a presença do prefeito Gustavo Mendanha, vice-prefeito Vilmar Mariano, secretários municipais, presidente do CREA-GO, Lamartine Moreira, e representantes da ONU-Habitat e Pacto Global.

Construído em área do Parque da Criança, no setor Mansões Paraíso, o viveiro possui 1.900m² de área e conta com projeto arquitetônico, elétrico, hidráulico, estrutural, sistema de irrigação, e espaço coletivo para palestras e atividades educativas. O projeto foi elaborado pelo CREA-GO e adotado pela Prefeitura de Aparecida, que investiu mais de R$ 500 mil, proveniente de multas pagas por empresas para fins de compensação ambiental.

O Programa Cidades Verdes, mais do que estimular a implantação de uma política de arborização urbana, visa envolver a população num projeto de paisagem urbana e preservação do meio ambiente.

No Viveiro Cerrado de Aparecida de Goiânia serão desenvolvidas práticas de sustentabilidade por meio do plantio e distribuição de mudas – nativas, frutíferas, ornamentais e hortaliças – para projetos de arborização dos espaços urbanos e de recuperação de áreas degradadas. O local também conta com espaço privilegiado para seminários, palestras e eventos de educação ambiental.

Comentários