Cotidiano

Produtores comemoram retomada dos eventos

Na pandemia foi possível reconhecer a importância do setor cultural e seu entretenimento.

diario da manha

Todos setores da sociedade sofreram com os impactos causados pela pandemia de Covid-19. Alguns setores como as escolas, o turismo e cultura, por serem, naturalmente, seguimentos onde há grupos, aglomerações e aproximação de pessoas tem sofrido com os resquícios da pandemia.

O setor de eventos foi o primeiro a parar e tem sido o último a retomar as atividades, apesar da exposição a indústria da cultura gera muitos empregos e renda e apesar de ter sofrido uma grande pausa pode se reinventar durante a pandemia realizando por exemplo as lives, que foi a forma encontrada para levar entretenimento para as pessoas.

O proprietário do Fest Music, Hudson Candido se mostra otimista com o avanço e agilidade na vacinação em Goiânia, flexibilizando assim a retomada dos eventos de forma gradativa.

“É impossível não ficar feliz com a retomada das nossas agendas, afinal há várias pessoas que dependem disso. Os eventos não são somente as estruturas das festas como muitos pensam, aquele é o resultado final e talvez o mais visível, mas inúmeros empregos são gerados para conquistarmos êxito em toda produção”, afirma.

Na pandemia foi possível reconhecer a importância do setor cultural e seu entretenimento, pois a cultura foi o que trouxe alento, terapia, diversão e um pouco de paz para as pessoas que estavam em casa seguindo as medidas de distanciamento social.

Fest Music

Consolidado desde 2017 em solo goiano, Fest Music é uma agência de marketing e organizadora de eventos, que tem o objetivo de promover e divulgar o que está acontecendo nas noites agitadas não só em Goiânia, mas em todo o estado e até mesmo no Brasil.

Hoje, com um público fixo ativo, conta com mais de 600 divulgadoras que auxiliam na propagação da programação de todos os eventos que estão sendo realizados.

Comentários