Cotidiano

Amauri Ribeiro questiona regularidade de apreensões de animais domésticos

Segundo o parlamentar, a vereadora Luciula Ribeiro teria arrombado uma casa e levado os animais de uma família sem autorização e os colocado em gaiolas sem os devidos cuidados

diario da manha
Foto: Divulgação

O deputado Amauri Ribeiro (Patriota) acusou, na última terça-feira, 30, a vereadora Luciula do Recanto (PSD) de invasão não justificada de domicílio para a captura de animais domésticos que, segundo a vereadora, estariam sendo vítimas de maus-tratos.

Na tribuna da Assembleia Legislativa, o parlamentar apresentou uma das pessoas que estariam sendo prejudicadas devido a vereadora.

“Essa é Lauane, dona dos quatro cachorros que foram roubados pela vereadora há alguns meses”, disse Amauri, segurando a criança no colo.

Ainda de acordo com Amauri, a vereadora teria supostamente arrombado a casa onde a garota mora e levado os animais sem nenhuma autorização policial.

“Os animais dormiam na cama de Lauane. Aves também foram apreendidas. Dez galos desapareceram. Mas hoje os cachorros e aves, que não tinham qualquer sinal de maus tratos, estão presos em gaiolas, sem água e sem comida no canil da vereadora”, alegou.

Além disso, o parlamentar afirmou que o pai de Lauane e uma prima dela, que está grávida, chegaram a ser detidos e agora estão proibidos de sair de casa. Ele pretende abrir processo contra a vereadora.

“Existe um processo no Ministério Público contra o canil da vereadora por maus tratos. Ela também já foi acusada de falsificação de laudos veterinários, em fevereiro. Cadê a justiça? Vou pedir à Comissão de Meio Ambiente da Casa para abrir um processo contra Luciula”, concluiu.

Nossa equipe tentou contato com Luciula do Recanto, mas até o fechamento desta edição não obteve retorno. O espaço está aberto para que ela possa se pronunciar.

Leia também

Comentários