Cotidiano

Dupla é presa suspeita de roubar mulheres após marcar encontros por aplicativo, em Caldas Novas

Uma das mulheres, segundo os policiais, teve cerca de R$ 2,1 mil de prejuízo.

diario da manha

Dois jovens foram presos suspeitos de roubar mulheres após marcar encontros por aplicativo de relacionamentos, em Caldas Novas, no sul de Goiás.

Segundo a Polícia Civil, Mateus Eduardo de Souza Barbosa, de 20 anos, e Rafael Cordeiro Nery, de 27 anos, roubaram entre 10 a 20 pessoas desde janeiro deste ano.

Ambos foram presos na sexta-feira (20), na casa de Rafael, localizada no setor Residencial Recanto das Águas. De acordo com a polícia, era para a residência dele que as mulheres eram atraídas e roubadas, durante os encontros forjados.

Uma das mulheres, segundo os policiais, teve cerca de R$ 2,1 mil de prejuízo. Nesse caso em específico, a polícia explicou que um dos jovens havia se anunciado como acompanhante em um site de encontros e a mulher entrou em contato com ele e o encontrou no local indicado pelo anunciante.

Segundo relato à polícia, pouco depois do início do programa, o outro rapaz entrou no quarto, agrediu a mulher com socos e tapas no rosto e a ameaçou com um canivete no pescoço, enquanto exigia dinheiro e uma transferência bancária por PIX.

Durante a ação, que recebeu o nome de “Operação Don Ruan”, foi encontrado o canivete utilizado no crime, uma faca grande, duas máquinas de cartão, telefones celulares e uma porção de maconha.

A Polícia Civil ainda contou que, durante o interrogatório, os rapazes contaram versões distintas, um acusando o outro de ser o idealizador dos crimes. Mateus, que confessou os crimes, contou que começou a praticá-los em janeiro deste ano e que, ao todo, roubou entre 10 e 20 pessoas.

A polícia informou que ele também apontou Rafael como o idealizador das práticas e o responsável pelas agressões e ameaças às mulheres. Já Rafael afirmou que Mateus quem o induzia aos crimes e quem atraía e ameaçava os clientes.

O caso ainda está sendo investigado pela Polícia Civil e o inquérito deve ser concluído em breve. Os jovens foram encaminhados ao presídio de Caldas Novas. Eles devem responder pelo crime de roubo com emprego de arma branca.

Comentários