Cotidiano

Filho do governador Ronaldo Caiado morre em Nova Crixás

Ronaldo Ramos Caiado Filho, de 40 anos, faleceu na manhã deste domingo (3). Governador recebeu notícia enquanto estava em uma missa da Festa do Divino Pai Eterno, em Trindade

diario da manha
Ronaldo Caiado Filho e Ronaldo Caiado: respeito, admiração e carinho

O filho do governador Ronaldo Caiado (UB), Ronaldo Ramos Caiado Filho, de 40 anos, morreu na manhã deste domingo (3) em Nova Crixás, norte de Goiás. Ele era filho do político com a primeira esposa, Thelma Gomes. Ainda não há informação sobre a causa.

O governador recebeu a informação da morte do filho enquanto estava junto com a esposa, Gracinha Caiado, em uma das missas de encerramento da Festa do Divino Pai Eterno em Trindade.

A assessoria de imprensa do governo estadual divulgou uma nota lamentando a morte do filho do governador. “É com profundo pesar que comunicamos o falecimento de Ronaldo Ramos Caiado Filho, filho do governador Ronaldo Caiado e de Thelma Gomes. Ele morreu neste domingo (03/07), aos 40 anos. A família enlutada pede a todos orações para enfrentar este momento de imensa dor”.

Em suas redes sociais, o Governador de Goiás Ronaldo Caiado (UB) lamentou a morte do filho, Ronaldo Ramos Caiado Filho. “Meu filho querido. Minha dor neste momento só não é maior do que o meu amor por você. Que Deus o acolha na Sua Glória Infinita., escreveu.

O velório foi iniciado às 18h30 no cemitério Vale do Cerrado, no Conjunto Vera Cruz, em Goiânia.

Caiado participou da missa das 5h45 e depois se encontrou com padres de Trindade. Depois, participou da celebração das 8h, mas saiu antes do fim.
Em nota, o prefeito de Goiânia Rogério Cruz (Republicanos) lamentou a morte do filho do governador. “Poucas notícias podem ser tão tristes quanto a do falecimento de uma pessoa jovem, que tinha uma larga e enriquecedora trajetória pela frente. A partida causa-nos um imenso vazio, embora saibamos que as memórias felizes haverão de se eternizar. São elas também que nos consolam nos momentos mais difíceis”, escreveu.

Luto por três dias
A Câmara Municipal de Goiânia decretou luto oficial de 3 dias pela morte do filho do Governador Ronaldo Caiado, Ronaldo Ramos Caiado Filho, de 40 anos.

Ronaldo Caiado Filho coma irmã Anna Vitória e a mãe Thelma Gomes

O presidente da casa e vereador, Romário Policarpo (Patriota), manifestou profundo pesar em nome dos 35 vereadores e também dos servidores da Câmara, pelo falecimento do filho de Caiado. “Os parlamentares e os funcionários do Poder Legislativo manifestam seus sentimentos e solidariedade ao governador, aos amigos e familiares”, escreveu em nota.

Filho de Caiado morreu no dia do aniversário da irmã

Filho do governador Ronaldo Caiado (UB), Ronaldo Caiado Filho morreu no mesmo dia do aniversário de sua irmã Maria Caiado, neste domingo (3). Ele era fruto do primeiro casamento do governador com Thelma Gomes. Maria é filha da primeira-dama Gracinha Caiado.

A morte de Ronaldo Filho, que tinha 40 anos de idade, foi confirmada no fim da manhã deste domingo (3). Caiado recebeu a notícia enquanto participava de uma missa na romaria de Trindade, que celebra o Divino Pai Eterno.

Enquanto o padre fazia os agradecimentos finais, Caiado e a primeira-dama saíram às pressas, antes do encerramento. As causas da morte não foram divulgadas.

Mais cedo, no Instagram, o governador havia publicado uma mensagem de homenagem à filha Maria, pelo se aniversário. “Hoje é dia do meu pacotinho, minha morena linda. Quando dizem que ela é minha cara eu fico todo todo. Mas vou além, Maria é muito melhor! Como pai, tenho orgulho enorme da sua garra e determinação. Sem falar da sua alegria contagiante. Você transborda amor e carinho pela família. Para mim é um privilégio te chamar de filha e ser seu ombro amigo. Peço a Deus que a ilumine sempre e que realize todos seus projetos de vida. Parabéns, minha filha, minha Santinha está lhe cobrindo com seu manto Sagrado. Muitos anos de vida e saúde. Te amo muito”, escreveu.

Ronaldo e Gracinha Caiado com as filhas e Ronaldo Filho

Goiás tem o quarto caso de morte de filho de gestor no exercício do cargo

Esta é a quarta vez que um governador de Goiás perde um filho no exercício do cargo. Todos homens, muito jovens, com idades entre 21 e 40 anos e até um recém-nascido. Dois deles tinham o mesmo nome do pai.

Em 1952, Pedro Ludovico Teixeira, o fundador de Goiânia, que tinha sido eleito um ano antes, perdeu Antônio Borges Teixeira quando este tinha apenas 21 anos num acidente aéreo no município de Palmeiras.

Em 1981, Ary Valadão, então governador por indicação do presidente Ernesto Geisel, viu o primogênito, Ary Valadão Filho, de 30 anos, morrer após um acidente aéreo em Alto Paraíso de Goiás, durante a execução de um projeto de cultivo de frutos tropicais, por lavoura irrigada. O engenheiro trabalhava com o pai e enfrentou um longo período de internação no Hospital de Queimaduras de Goiânia, mas não resistiu à gravidade das lesões provocadas pelo acidente.

Agora, Ronaldo Caiado, que está no último ano do mandato, perde o filho homônimo, de 40 anos.

Em 1975, no início do mandato como governador de Goiás, Irapuan Costa Júnior perdeu o filho recém-nascido, Irapuan Costa Neto, do seu casamento com Lúcia Vânia Abrão. A criança nasceu com uma cardiopatia grave e morreu com poucos dias de vida.

Ronaldo Caiado e pai contemplam a fazenda, em Nova Crixás

Autoridades e políticos lamentam morte de Ronaldo Caiado Filho

Autoridades, políticos e entidados. Entidades lamentaram, em notas, a morte do filho do governador Ronaldo Caiado (UB) na manhã deste domingo (3)

Autoridades, políticos goianos e nacionais e entidades lamentaram nas redes sociais a morte do filho do pré-candidato à reeleição a governador Ronaldo Caiado (UB), Ronaldo Filho.

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás (Alego) e pré-candidato ao Senado, Lissauer Vieira (PSD), lamenta a morte do filho do mandatário. “Foi com muito pesar que recebi a notícia do falecimento de Ronaldo Ramos Caiado Filho, de 40 anos, o único filho homem do governador de Goiás, Ronaldo Caiado, neste domingo, 3. Uma perda precoce, irreparável e que gera imensa dor”.

Ronaldo Caiado Filho e Ronaldo Caiado: respeito, admiração e carinho

O presidente da Câmara Municipal de Goiânia e pré-candidato a deputado federal, Romário Policarpo (Patriota), prestou solidariedade para a família do governador Ronaldo Caiado. “É com imenso pesar que recebemos a notícia do falecimento de Ronaldo Ramos Caiado Filho, filho do governador Ronaldo Caiado. Meus profundos sentimentos ao governador e a Thelma Gomes, mãe de Ronaldo Filho. Minha solidariedade também a toda a família do governador Ronaldo Caiado, suas filhas e sua esposa Gracinha Caiado. Que Deus, em sua infinita bondade, conceda força e conforto nesse momento de dor a todos os amigos e familiares. Estamos em oração”, manifestou.

O pré-candidato a governador de Goiás Gustavo Mendanha (Patriota) suspendeu a agenda política deste domingo, 3. “Recebi com tristeza a notícia da morte precoce do filho de Ronaldo Caiado, Ronaldo Filho […] Em sinal de respeito, suspendi minha agenda deste domingo e estou em oração, pedindo que Deus conforte o coração da família”.

O pré-candidato ao Governo de Goiás pelo Partido dos Trabalhadores (PT), Wolmir Amado, manifestou sentimentos pela morte do filho do governador. “Eu, minha família, companheiros e companheiras do Partido dos Trabalhadores manifestamos os nossos mais profundos sentimentos pela perda de Ronaldo Ramos Caiado Filho, filho da companheira Thelma Gomes e do governador Ronaldo Caiado. Eu e toda a minha equipe estamos em orações pelas famílias, pedindo a Deus que os dê força para atravessar este momento de tanta tristeza”.

O pré-candidato à reeleição ao Senado Luiz do Carmo (PSB) prestou solidariedade para a família enlutada e se colocou à disposição dela. “Deixo aqui meu sentimento de pesar e solidariedade ao governador Ronaldo Caiado. Não há nada pior do que perder um filho. Eu conheço esta dor. Lamento muito que você também esteja passando por este sofrimento. Que Deus cuide do seu coração, e de toda sua família […] Conte comigo”.

O deputado federal e pré-candidato ao Governo de Goiás Major Vitor Hugo (PL) prestou sentimentos para a família. “Meus mais sinceros sentimentos pela irreparável perda do governador Ronaldo Caiado e de sua família. Que Deus conforte seus corações”.

O pré-candidato à reeleição a deputado estadual Amauri Ribeiro (UB) roga a Deus consolo para a família enlutada. “Tá dado o recado! Meu Deus! Não acredito que exista dor maior do que a dor da perca de um filho. Que Deus console o pai Ronaldo Caiado, console toda família e amigos”, escreveu ele nas redes sociais.

A vereadora e pré-candidata a deputada federal Sabrina Garcez (Republicanos) roga a Deus conforto à família enlutada. “Foi com imensa tristeza no coração que recebi a notícia do falecimento de Ronaldo Ramos Caiado Filho, filho do governador Ronaldo Caiado e de Thelma Gomes, neste domingo, 3 . Rogo a Deus que proporcione conforto à família para enfrentar esse momento de imensa dor e envio e meu abraço solidário a todos os amigos”.

Entidades
A assessoria de comunicação da Festa do Divino Pai Eterno em Trindade publicou uma nota de pesar sobre o falecimento. Caiado e a esposa Gracinha estavam em uma missa no local, quando receberam a informação da morte. “É com imensa dor e consternação que, na manhã deste domingo, 3, enquanto o governador do Estado, Ronaldo Caiado, e a primeira-dama, Gracinha Caiado, se juntaram aos romeiros do Divino Pai Eterno para as celebrações de encerramento da Romaria 2022, que recebemos a triste notícia do falecimento de seu filho e de Thelma Gomes, Ronaldo Ramos Caiado Filho. Com grande pesar, o Reitor do Santuário Basílica do Divino Pai Eterno, Pe. João Paulo Santos pede que rogamos ao Pai Eterno para que os familiares e amigos recebam todo o consolo necessário neste momento tão doloroso”.

A Câmara da Capital também divulgou uma nota com o pesar dos 35 vereadores que compõem a Casa. “Os 35 vereadores e os servidores da Câmara Municipal de Goiânia receberam com profundo pesar a notícia do falecimento de Ronaldo Ramos Caiado Filho, de 40 anos, filho do governador Ronaldo Caiado com a pedagoga Thelma Gomes. Os parlamentares e funcionários do Poder Legislativo manifestam seus sentimentos e solidariedade ao governador, aos amigos e familiares”.

A Enel lamenta o falecimento do filho do governador. “A Enel Brasil e a Enel Distribuição Goiás lamentam profundamente o falecimento do filho do governador Ronaldo Caiado, Ronaldo Ramos Caiado Filho. Nossos sentimentos a toda a família, e os desejos de que Deus conforte os corações, dando forças nesse momento de grande pesar”.

O ex-governador Marconi Perillo, pré-candidato ao governo de Goiás, emitiu nota de pesar: “Valéria, eu e nossas filhas externamos nosso pesar pelo falecimento de Ronaldo Ramos Caiado Filho e manifestamos nossa solidariedade aos pais, Thelma Gomes e Ronaldo Caiado, irmãos e familiares. Que Deus os conforte neste momento de imensa dor”.

Prefeito de Goiânia
Um dos primeiros a emitir nota lamentando a morte de Ronaldo Caiado Filho foi o prefeito de Goiânia, Rogério Cruz (Republicanos). No documento, o gestor municipal diz que a ”partida causa-nos um imenso vazio, embora saibamos que as memórias felizes haverão de se eternizar”, e deixa condolências à ”mãe Thelma Gomes, às filhas Anna Vitória, Maria e Marcela, irmãs de Ronaldo Filho, à primeira-dama, Gracinha Caiado, deixamos a nossa mais sincera manifestação de pesar e os nossos votos para que encontrem conforto na paz do Senhor”.

Ex-deputado federal Vilmar Rocha, presidente estadual do PSD, em nota, manifestou solidariedade ao governador. “Com grande tristeza, recebi a notícia do falecimento de Ronaldo Ramos Caiado Filho; filho do governador de Goiás, Ronaldo Caiado e da professora Thelma Gomes. Não há palavras capazes de confortar os corações diante da perda de um filho, mas, elevo meu coração ao bom Deus neste momento, pedindo conforto e esperança a todos os familiares e amigos. Em meu nome, em nome da minha família e dos companheiros do PSD de Goiás, manifesto nosso respeito e solidariedade e asseguro minhas orações, ao pai Ronaldo Caiado, a mãe Thelma Gomes, as irmãs, aos familiares e aos amigos”.

O presidente da Associação Goiana de Imprensa, jornalista Valterli Guedes também divulgou nota de solidariedade ao governador Ronaldo Caiado, manifestando pesar pela morte de Ronaldo Caiado Filho. “Neste momento de dor, queremos manifestar nossos sentimentos ao pai, mãe e irmãs de Ronaldo Caiado Filho. Que Deus conforte a família e amigos nesta hora de dor”.

Bolsonaro e Lula
O presidente Jair Bolsonaro manifestou, pelo Twitter, em que lamenta a morte do filho governador Ronaldo Caiado> “Minha solidariedade à família e ao gov. Ronaldo Caiado pelo passamento de seu filho. Não há dor maior para um pai ou mãe que perder um filho. Peço a Deus que, em sua infinidade bondade, cuide da alma daquele que parte e conforte o coração de quem permanece”.

Ex-presidente Lula se manifestou no Twitter: “Quero deixar minha solidariedade a companheira Tjhelma Gomes e ao governador Ronaldo Caiado pela triste e precoce perda de Ronaldo Filho. Perder um filho é uma dor que nenhuma família merece passar”.

Cemitério Vale do Cerrado: centenas de corroas
manifestando solidariedade

Comentários