Home / Cotidiano

COTIDIANO

"Ah, se eu te pego", diz pastor após beijar filha na boca

‘"Nossa, que mulherão. Ai se eu te pego’. Ela falava: ‘Credo, pai, você já é da mamãe’. Daí dava beijo nela. “Um dia ela distraiu, eu dei um beijo na boca dela"

Lucinho Barreto Lucinho Barreto

Durante um culto na Igreja Batista da Lagoinha, o pastor Lucinho Barreto revelou ter beijado a filha na boca pegando-a de surpresa. Um vídeo com essa declaração se espalhou pelas redes sociais na última quinta-feira, 2, gerando muitas críticas.

O momento foi capturado durante uma pregação do religioso numa conferência que reuniu a presença de mil homens e foi postada no canal de YouTube da igreja em 15 de abril. As filmagens ocorreram em um templo em Belo Horizonte em Minas Gerais.

Na ocasião, Barreto e seu filho Davi abordavam a passagem bíblica de Gênesis 22, em que Deus pede a Abraão para sacrificar seu filho. Em meio a essas reflexões, o pastor compartilhou suas experiências sobre a criação dos filhos.

Ele mencionou ter demonstrado afeto à filha, elogiando-a e brincando com ela. Em um momento de distração, ele a beijou na boca, o que causou surpresa na menina. Posteriormente, o pastor mencionou a situação de forma inapropriada, levantando polêmica.

“Peguei minha filha um dia e falei que amava ela. Falava: ‘Nossa, que mulherão. Ai se eu te pego’. Ela falava: ‘Credo, pai, você já é da mamãe’. Daí dava beijo nela. “Um dia, ela distraiu e eu dei um beijo na boca dela. Ela disse ‘Que isso, pai?’ Eu falei assim: ‘Porque quando encontrar seu namorado, vou falar: você é o segundo. Eu já beijei'”, disse aos presentes. No entanto, segundo o pastor, a intenção era o mostrar como um pai deve valorizar o seu filho.

Em seguida afirmou que tem uma relação muito forte com a filha e somente pessoas com a "mente suja" veria maldade nisto, mas quem sabe o que é pureza, saberia do que ele está falando.

Após a repercussão a filha do pastor, Emily fez um vídeo em defesa do pai, onde disse que o vídeo foi tirado do contexto, que não houve beijo de língua e que nunca foi abusada por ele.

Os internautas ficaram revoltados com as falas do pastor e disseram que ele estaria incitando a violência sexual e o incesto. Principalmente onde ele diz que dirá ao namorado da filha que ele foi o primeiro homem a beija-la.

Em uma critica uma internauta disse . “Depois vai falar para o namorado que você foi o segundo a transar com ela. O primeiro foi eu. Tudo em nome de Deus, família e pátria”. Já outros disseram que era “Nojento."

Seguidores do pastor reagiram aos comentários negativos em defesa do religioso, “Quem conhece o Lucinho sabe como ele é." Um outro repostou que esse tipo de conduta está na Bíblia: “Mas gente, isso está na bíblia. Ló se deitou com suas duas filhas”, escreveu.

Mais vídeos:

  • COTIDIANO

    Carga de celulares avaliada em cinco milhões de reais é apreendida

    Condutor da carreta disse que pegou os produtos na fronteira entre Brasil e Paraguai e que entregaria em camelódromo de Goiânia

    Publicado sexta-feira, 07 de junho de 2024 - 09:10

    / Atualizado sexta-feira, 07 de junho de 2024

  • COTIDIANO

    Peão é pisoteado por touro em rodeio

    O homem foi atendido por uma equipe médica e passa bem

    Publicado terça-feira, 04 de junho de 2024 - 15:14

    / Atualizado terça-feira, 04 de junho de 2024

  • COTIDIANO

    Gado é atingido por caminhão na GO-050

    Segundo testemunhas, os encarregados de realizar a travessia dos animais estavam sem placas para sinalizar que haviam animais na pista

    Publicado terça-feira, 04 de junho de 2024 - 14:37

    / Atualizado terça-feira, 04 de junho de 2024

Leia também:

edição
do dia

Capa do dia

últimas
notícias

+ notícias