Cultura

Nada de normalidade

O humorista Fábio Porchat se apresenta na Capital com stand up Fora do Normal e garante levar aos goianos muita risada

diario da manha

Johny Cândido, Da editoria DMRevista

Fora do Normal, solo de stand up do humorista Fábio Porchat, traz ao palco observações bem humoradas sobre situações do nosso dia a dia. Uma comédia que aborda temas do cotidiano, como telemarketing, avião e tecnologia em banheiros. Nós, goianienses, receberemos hoje a presença com um dos maiores humorista do País. A apresentação acontece no Teatro Rio Vermelho, em duas sessões, uma às 20h e a outra às 21h30. A comédia tem o intuito de abordar temas do cotidiano, como telemarketing, avião e tecnologia em banheiros.

Fábio Porchat vem se tornando um ícone da comédia brasileira, e sobre a comédia Fora do Normal afirmou para o site Cultura do Riso: “Nós sabemos fazer a nossa plateia rir do nosso jeito. Textos exclusivos e personalizados são atualizados regularmente. Lá, o humor é focado em situações cotidianas, críticas políticas, observações que qualquer um de nós poderia fazer. Cada comediante desenvolve seu próprio material, diferente do que acontecia no passado. Está ocorrendo uma mudança no humor brasileiro e o stand up comedy é um dos responsáveis. Existe hoje a sua piada. Você é responsável por aquilo que você diz. Ninguém inventou aquilo pra você. Você criou o seu próprio material. A comédia brasileira passa por mudanças, mudanças positivas”, explica Porchat.

Na comédia Fora do Normal o comediante se apresenta sem cenário, sem figurino, sem trilha sonora, sem piadas conhecidas, sem nada. Mas promete muito humor, alegria e altas risadas. Fábio acredita que o stand up tem sido o responsável por trazer o jovem de volta para o teatro, que é da geração da internet.

É o humor puro. Humor de identificação, um humor que retrata o cotidiano de cada um de nós e por isso mesmo faz com que o público dê risada. “O stand up tem sido o responsável por trazer o jovem de volta para o teatro, lugar novo para essa geração internet. Internet, aliás, que é a principal divulgadora dos comediantes. Através de sites como You Tube, Justintv, vídeos de trechos do show são disponibilizados para todo mundo e, com isso, o grande público passa a tomar conhecimento desse trabalho que vem sendo desenvolvido no Brasil”, garante Fábio.

Porchat, que é integrante do primeiro grupo de stand up comedy do Brasil, o Comédia em Pé, que está em cartaz ininterruptamente há seis anos, tem apresentado seu espetáculo solo por várias capitais brasileiras, como Manaus, João Pessoa, Curitiba, São Paulo e agora chega ao Rio de Janeiro. Referência em todo o País quando o assunto é humor, o ator já se apresentou também em Londres e no Japão com seu estilo de humor histriônico que cativa as plateias. Roteirista de diversos programas de humor da Rede Globo (Zorra Total, Os Caras de Pau e Esquenta), incluindo o seriado de sucesso Tudo Junto e Misturado, no qual participa também como ator.

 

Trajetória Porchat

Nascido no Rio de Janeiro, em 1º de julho de 1983, viveu até os 19 anos em São Paulo. Em 2002, quando era aluno de Administração, foi ao programa do Jô Soares, onde acabou por apresentar um esquete de sua autoria, baseado no seriado Os Normais. Foi quando decidiu seguir a carreira de ator e mudou-se para o Rio de Janeiro.

Seu primeiro trabalho foi Infraturas, peça composta por esquetes de sua autoria, em que atuou com Paulo Gustavo, dirigida por Malu Valle. Seu trabalho na televisão inclui Zorra Total, Junto & Misturado, Os Caras de Pau, Esquenta, atualmente, faz o personagem Junior, no seriado A Grande Família, todos na Rede Globo. Foi apresentador do programa De Perto Ninguém é Normal, na GNT.

É autor de diversas peças teatrais, como Olho de Boneca, Elas Morrem no Fim, Calabouço, Velha é a Mãe, em 2006. No mesmo ano seu esquete O Crítico ganhou o Prêmio do Júri Popular, no Salão Carioca de Humor. Neste mesmo ano passou a integrar o primeiro grupo de comédia stand up do Brasil, o Comédia em Pé, juntamente com Cláudio Torres Gonzaga, Fernando Caruso, Léo Lins e Paulo Carvalho, onde permaneceu até 2011.

No cinema, em 2007, atuou no curta-metragem O Lobinho Nunca Mente, que também o dirigiu; já em 2008 produziu e dirigiu a montagem de Pic Nic no Front, e também se apresentou No Maior Festival de Humor do Japão.

Em 2009 escreveu, produziu e dirigiu a peça Palavras na Brisa Noturna, texto livremente inspirado no livro As Boas Mulheres da China, da jornalista chinesa Xinran Xue. Em 2010 entrou em cartaz com seu solo de stand up Fora do Normal, apresentando-se em diversas cidades do País e que continua em cartaz até hoje.

Em março de 2011 foi lançado Teste de Elenco – O Filme, primeiro longa brasileiro a ser lançado exclusivamente na Internet, atuou como protagonista juntamente com Tatá Werneck. Em 2012 fundou a produtora de vídeos Porta dos Fundos, cujo canal no Youtube tornou-se um fenômeno de audiência e de inscrições em menos de um ano de existência, com 3.800.000 inscritos e 328.000.000 de visualizações. Também em 2012 participou do longa-metragem Totalmente Inocentes, dirigido por Rodrigo Bittencourt, com Mariana Rios, Ingrid Guimarães, Fábio Assunção, Kiko Mascarenhas e outros.

Fábio Porchat se formou em Teatro e foi roteirista do Zorra Total, Junto e Misturado, Cilada e tantos outros programas humorísticos, até virar figura carimbada na televisão – onde interpreta o personagem gay Everaldo Pontes Júnior no programa A Grande Família –, no cinema – só esse ano protagonizou os filmes: Totalmente Inocentes, Vai que Dá Certo e O Concurso – e, principalmente, na internet. Na web, os vídeos do canal Porta dos Fundos, criado por ele, Antonio Pedro Tabet, Ian SBF, Gregório Duvivier e João Vicente de Castro, já tiveram mais de 400 milhões de visualizações – números que mostram o tamanho do sucesso do grupo.

Em 2013 assinou contrato como ator com a Globo, participando do programa semanal A Grande Família. Em março do mesmo ano estreou a comédia Vai Que Dá Certo, foram quase 3 milhões de espectadores, uma das maiores bilheterias do cinema nacional. Participou, também, dos O Concurso, que estreou em julho deste ano, e Meu Passado me Condena, com previsão de estreia em outubro.

Na comédia Fora do Normal o comediante se apresenta sem cenário, sem figurino, sem trilha sonora, sem piadas conhecidas, sem nada
Na comédia Fora do Normal o comediante se apresenta sem cenário, sem figurino, sem trilha sonora, sem piadas conhecidas, sem nada

 

Fábio Porchat diz que o stand up tem sido o responsável por trazer o jovem de volta para o teatro, lugar novo para essa geração internet
Fábio Porchat diz que o stand up tem sido o responsável por trazer o jovem de volta para o teatro, lugar novo para essa geração internet

Fábio Porchat em Goiânia na comédia Fora do Normal

 

Quando: Hoje, às 20h e às 21h30

Onde: Teatro Rio Vermelho

Pontos de vendas de ingressos:

– FINAC (Shopping Flamboyant Piso 1) Fone: 3612-2000, das 10h às 20h

– Livraria Leitura (Goiânia Shopping Piso 3) Fone: 3942-0121, das 10h às 20h

– Pharmacia Therapêutica – Rua  83 nº 206, Setor Sul, das  8h às 18h (62-3216-6433)

– Bilheteria do Teatro Rio Vermelho, das 9 às 18h  (62- 3219-3400)

– Online:  WWW.COMPREINGRESSOS. COM

Ingressos:

R$ 50,00 (meia) R$ 100,00 (inteira)

Empresas patrocinadoras têm desconto de 50% não cumulativo sobre a inteira

Comentários