Cultura

Homem é investigado por invadir sistema de empresa

O investigado já foi estagiário na empresa da vítima

diario da manha

A Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Cibernéticos (DERCC), investiga um homem de 27 anos, morador de Goianésia, suspeito por ser o responsável pela invasão do sistema informático de uma grande empresa, localizada na cidade onde reside.

Após 11 meses de investigações, foi realizado um mandado de busca e apreensão na residência do jovem cumpridos nesta quinta-feira, 9.

O investigado já foi estagiário na empresa da vítima. Por meio da invasão ao sistema informático da empresa sucroenergética, o autor disparou mais de 4000 SMS, simulando que a mensagem disparada seria vinda de funcionário da empresa, o que gerou prejuízo à imagem e credibilidade da pessoa jurídica.

Por meio das buscas domiciliares, a equipe da DERCC, com apoio de equipe da 15ª Delegacia Regional de Polícia de Goianésia, conseguiu apreender computadores, aparelhos celulares, pendrives, documentos e caderno com anotações que agora serão analisados.

O crime de invasão de sistema informático é apenado com até quatro anos de reclusão, podendo ser aumentada a pena em até 2/3 se restar comprovado que houve prejuízo financeiro para a empresa vítima.

Comentários