DM Autos

Nova VW Amarok V6 Highline estreia no mercado por R$ 184.990

diario da manha

Norton Luiz
Editor de Veículos

A Volkswagen Amarok V6 Highline 2018 chega ao mercado credenciada não só como a picape que oferece um generoso pacote de recursos de segurança e conectividade. Ela é  agora também a mais potente, com a introdução da versão V6 Highline, equipada com o tão esperado motor 3.0 V6 TDI (turbodiesel) de 225 cv. O modelo já está sendo comercializado com preço sugerido de R$ 184.990 e só na pré-venda foram reservadas, em menos de 24 horas, as 450 unidades disponíveis no primeiro lote.

O valor cobrado pela Amarok V6 é mais em conta do que a dos principais concorrentes com motor de quatro e cinco cilindros. A S10 2.8 Years é vendida por R$ 191.000, a Ford Ranger Limited 3.2 sai por R$ 190.000, enquanto a Toyota Hillux SRX chega a R$ 193.270. Portanto, a nova picape V6 da Volkswagen custa menos e tem mais motor.

Em relação à Amarok 2.0 atual, a nova versão V6 muda apenas no retrovisor preto e na identificação V6 na grade e na tampa traseira. Na que está desembarcando no mercado os  freios são a disco ventilados nas quatro rodas. Os dianteiros têm 332 mm de diâmetro e os traseiros 300 mm. Mudança representativa mesmo é o motorzão 3.0 V6 sob o capô, sem concorrentes em potência e torque.

O único opcional disponível na Amarok é o jogo de rodas aro 19″, que substituem as de 17″ e custam R$ 2.720 a mais no valor final. O modelo está disponível nas cores Branco Cristal (sólida), Preto Mystic (perolizada), Prata Sírius e Cinza Indium (metálicas).

A Amarok V6 Highline é oferecida na configuração cabine dupla e traz uma completa lista de itens de série, como faróis bixenônio com luzes de uso diurno de LEDs, sistema de auxílio ao estacionamento com câmera de ré, sistema de freios pós-colisão e os mais modernos recursos de infotainment do mercado.

O novo motor tem 3 litros de cilindrada e combina tecnologia de injeção direta common-rail de combustível e turbocompressor de geometria variável. Esse motor possui acionamento dos comandos por correntes, que não requerem manutenção, e circuitos separados de arrefecimento para o cabeçote e o bloco, o que permite melhor gerenciamento da temperatura de funcionamento.

Equipada com motor 3.0 V6 turbodiesel, associado à transmissão automática de 8 velocidades,  Amarok V6 Highline torna-se a picape mais potente e de maior torque em seu segmento no mercado brasileiro. São 225 cv disponíveis na ampla faixa de 3.000 rpm a 4.500 rpm. E o torque é de 550 Nm (56,1 kgfm), entregue já a partir de apenas 1.500 rpm e mantendo-se pleno até as 2.500 rpm. Fabricada em General Pacheco, na Argentina, a Amarok 3.0 V6 Highline tem sistema de tração permanente  4MOTION.

O desempenho do novo motor V6 permite uma comparação com veículos esportivos. Ele alcança 190 km/h e vai de 0 a 100km/h em apenas 8 segundos.  Em relação ao já eficiente motor quatro-cilindros 2.0 biturbo que equipa as versões Trendline e Highline automáticas (todas de cabine dupla), o ganho é de 25% em potência (45 cv a mais) e de 31% no torque (130 Nm, ou 13,3 kgfm).

No pacote de itens de segurança da nova Amarok constam sistema ABS off-road, que auxilia na frenagem sobre piso solto (como terra ou cascalho), sistema de freios “Post- Collision Brake” (sistema de frenagem automática pós-colisão), Controle Eletrônico de Estabilidade (ESC), HDC (Hill Descent Control ou Controle Automático de Descida) e HSA (Hill Start Assist ou Assistente para Partida em Subida), BAS (Sistema de Assistência à Frenagem), ASR (Controle de Tração) e EDS (Bloqueio Eletrônico do Diferencial), indicador de perda de pressão dos pneus, Park Pilot, com câmera de ré e sensores de estacionamento na dianteira e traseira.

A lista de recursos de segurança da Amarok V6 Highline é incrementada também por quatro airbags (dianteiros e laterais de tórax e de cabeça para motorista e passageiro), além de sistema ISOFIX para fixação de cadeiras para criança no banco traseiro, faróis bixenônio com luz de condução diurna (DRL) em LEDs, faróis de neblina com luz de conversão estática, volante multifuncional, com regulagem de altura e distância, e aletas (shift paddles) para mudanças de marcha.

A Amarok V6 Highline conta, entre outros itens, com sistema de alarme acústico e visual para os cintos de segurança não afivelados nos bancos dianteiros. Também há uma tomada de 12V posicionada atrás do apoio de braço dos bancos dianteiros. O ar-condicionado é digital Climatronic, com duas zonas de resfriamento/aquecimento. E a picape é equipada de série com sensores de chuva e crepuscular. Os bancos são revestidos parcialmente em couro, com ajustes elétricos nos dianteiros.

Discover Media

A Amarok V6 Highline vem equipada de série com o sistema de infotainment “Discover Media”, com tela colorida sensível ao toque (“touchscreen”) de 6,33 polegadas, leitor de CD, duas entradas para SD-Card, Aux in e porta USB. A central de infotainment “Discover Media” permite a locução de mensagens de texto (SMS) do celular por meio dos alto-falantes. E mais: é possível responder por meio de comando de voz a mensagem, enviada em formato SMS.

Além disso, o “Discover Media” realiza a interface com o sistema de assistência de estacionamento ‘Park Pilot’, que além de demonstrar a aproximação de obstáculos na dianteira em manobras de estacionamento, transmite (na tela central do console) a imagem da câmera traseira de estacionamento.

O Discover Media traz adicionalmente recurso de navegação que se destaca pela facilidade de uso e interatividade com o painel de instrumentos, possibilitando uma condução mais segura e confortável. Esse sistema também contempla o “MapCare”, que permite a atualização periódica gratuita da base de mapas durante toda a vida do veículo.

Na Amarok V6 Highline o sistema Discover Media tem também a função de indicadores off-road, com informações sobre o veículo e seus arredores (permitindo melhor avaliação da condução e maior segurança na direção). São três os dados informados: bússola, ângulo de direção das rodas e altímetro (em referência ao nível do mar).

 

Comentários