DM Autos

Audi Q8, primeiro SUV cupê da marca, desembarca no Brasil em 2019

diario da manha
Dynamic photo, Colour: Dragon orange

Norton Luiz
Editor de Veículos

O Audi Q8, primeiro SUV cupê da marca alemã, estreia no mercado brasileiro em 2019 com tecnologia híbrida leve. O modelo de design marcante, que chega para ocupar a posição de topo entre os SUVs da marca das argolas, foi apresentado no Salão do Automóvel de São Paulo como um legítimo SUV com linhas de um cupê.

Se tinha a intenção de chamar a atenção do público na exposição paulista o Q8 cumpriu bem o seu papel e deve fazer o mesmo na briga que vai travar com os concorrentes diretos, como o  BMW X6 e Mercedes-Benz GLE cupé

Com o sistema de tração integral permanente Quattro e uma altura livre do solo de até 254 milímetros, o SUV cupê Q8 mede 4.986 milímetros de comprimento, 1.995 de largura e 1.705 milímetros de altura. Sua linha de teto no estilo cupê aparenta ser muito mais baixa que a do Q7.  Ele é 66 milímetros mais curto, mas 27 milímetros mais largo que o “irmão”.

Motor

Importado da Eslováquia, o Q8 virá para o Brasil equipado com motor 3.0 V6 TFSI de 340 cv e 51 kgfm, associado ao câmbio automático de oito marchas. O sistema de tração do Q8 oferece nova tecnologia híbrida leve (MHEV). Ela integra uma bateria de íons de lítio e um alternador de correia (BAS) em um sistema elétrico primário de 48 volts.

Interior

A bateria recarregável fica localizada embaixo do piso do porta-malas e armazena 10 Ah de capacidade elétrica. O SUV pode se deslocar em velocidades entre 55 e 160 km/h com o motor desligado e, em seguida, o BAS reinicia o motor rápida e confortavelmente. Durante a desaceleração, o BAS pode recuperar até 12 kW de energia. O sistema start-stop começa a funcionar em 22 km/h.

Por se tratar de um modelo que chega para ser o principal modelo da linha, o Q8 traz diversos assistentes de condução, como piloto automático adaptativo com função tráfego, assistente de faixa e alerta de colisão com frenagem automática.

Navegação

O conceito operacional do Q8 não requer quase nenhum botão. Ele foca em dois displays de alta resolução sensíveis ao toque. O display superior com tela de 10,1 polegadas é usado para controlar os sistemas de entretenimento e navegação. O display mais baixo de 8,6 polegadas permite que o motorista gerencie aquecimento, ventilação e ar-condicionado, bem como funções de conforto e adição de textos.

Cockpit

Além de tudo isso, o controle de voz usa uma linguagem coloquial para transformar o Q8 em um parceiro inteligente de diálogo. O sistema processa todos os questionamentos e comandos com a informação armazenada a bordo.

O MMI NavigationPlus também inclui o Audi Virtual Cockpit. Sua tela de alta resolução de 12,3 polegadas pode ser alternada entre duas visualizações – clássica e de navegação – com o volante multifuncional. O head-up display, outro recurso opcional, projeta informações importantes no para-brisa, incluindo orientação detalhada da faixa para navegação.

Static photo,
Colour: Dragon orange

 

Comentários