DM Autos

VW Amarok 3.0 V6 com 258 cv: Aceleramos a picape com motor abusado

Motor rende até 272 cv graças ao turbo adicional Overboost com mais 14 cv.

diario da manha

A VW Amarok 3.0 V6 com motor de 258 cv é, literalmente, abusada. Foi o que mostrou a picape durante o período de teste com a versão Extreme, a mais completa da gama, cedida pela fabricante.

A Volkswagen ousou mais uma vez em derramar mais potência no motor 3.0 V6 turbodiesel. Os 225 cv que já representavam uma cavalaria indomável, saltaram para 258 cv e chegam a 272 com a função Overboost.

A mudança, graças à calibração na ECU (Central Eletrônica), fez assegurou a Amarok V6 no pódio como a picape mais potente e rápida do Brasil. Pelo jeito vai se manter por mais um bom tempo com esse título com seus 190 km de velocidade máxima.

Com potência máxima, o motor vai de 0 a 100 km/h em 7,4 segundos, o que deve ser bem considerado para uma picape.

Mesmo visual

O modelo não mudou em nada no visual. Portanto, externamente, é a mesma Amarok V6 que já causava boa impressão com o motor de 225 cv nas versões mais completas.

O pessoal do design não foi acionado para fazer ajustes visuais, ficando o trabalho apenas para a parte mecânica. Assim foi feito. Os engenheiros levantaram o capô da Amarok V6 e injetaram mais ânimo no já bem disposto motor V6 de 225 cv.

A Volkswagen mexeu na potência do motor V6, mas tratou também de colocar mais força no propulsor recalibrado para andar mais e tornar a picape mais esportiva na “tocada”. E fez isso com muita maestria.

Desta forma, além dos 42 cv a mais que garantiram mais ousadia na aceleração, a Amarok V6 turbodiesel 2021 ganhou 3 kg a mais de torque, saltando de 56,1 kgfm para 59,1 kgfm. O ganho é de 5% a mais de torque.

A nova Volkswagen Amarok V6 2021 estreou no mercado com 33 cv a mais, além dos 14 cv reservados na função Overboost, que funciona como um turbo adicional.

O sistema entra em ação durante 10 segundos com a picape em velocidade entre 50 e 120 kmh/. Os 272 cv são alcançados com o acelerador com 70% do seu curso e toda a potência chega com o pedal 95% acionado.

VW Amarok 3.0 V6: Função Overboost oferece mais 14 cv

A função Overboost é ideal para uma ultrapassagem em subida com a caçamba lotada, por exemplo. Depois de utilizada, o recurso volta a estar disponível após apenas 5 segundos de intervalo.

Atrelado ao motor 3.0 V6 Turbodiesel continua a transmissão automática de oito marchas, que também passou por uma recalibração. O objetivo foi para fazer suja adequação aos novos padrões de potência e torque.

Ao empregar mais potência no motor V6, a Volkswagen não se preocupou apenas em calibrar a ECU. A fabricante quis também garantir maior durabilidade do motor V6 incluindo uma segunda bomba d’água para reforçar a refrigeração do propulsor. A calibração da central eletrônica proporcionou a elevação da potência e do torque.

A Amarok V6 2021 tem agora desempenho semelhantes aos esportivos da marca, o Golf GTE e o Jetta GLI.

Assim como a transmissão automática, a tração integral 4Motion foi mantida na Volkswagen Amarok V6 2021, garantindo capacidade e segurança máxima. O sistema é essencial em situações fora de estrada, como em pisos de terra, cascalho ou muito acidentados.

Mudanças sob o capô

Até a chegada da próxima geração da Amarok V6 3.0, que completa 10 anos no mercado, a Vplkswagen fez a opção de manter o visual atual. O foco das mudanças foi apenas embaixo do capô e a repercussão junto aos consumidores surpreendeu.

Como assim? Uma picape com motor de 258 cv de potência, com desempenho de um carro de passeio? Os 225 cv já não eram mais do que suficientes? As indagações foram muitas e surpreendentes.

O modelo deveria ter chegado ao mercado em maio último, mas a pandemia fez a marca adiar os planos de última hora e o lançamento aconteceu no Inal de outubro.

Agora já presente no Brasil, vinda da Argentina, a nova Volkswagen Amarok V6 tem um coração jovem e com muito fôlego. Certamente, a nova geração da picape vai tratar trazer ao seu visual um design que combina mais com esportividade.

Autódromo

Levamos a nova Volkswagen V6 258 cv para o Autódromo Internacional de Goiânia. O objetivo não era o de fazer da picape um carro de corrida por conta das suas características de uso misto, menos de competição. Aceleramos forte na reta, mas cauteloso nas curvas.

A picape de tamanho gigantesco no interior, foi surpreendente na potência do motor 3.0 V6. Quando afunção Overboost entra em ação o resultado é um salto no gás que o motor ganha com mais 14 cv.

O ex-piloto de Motocross, Roberto Boettcher, que ficou conhecido nacionalmente competindo pela Yamaha, aceitou o convite a assumiu o comando da VW Amarok 3.0 V6 2021.

Depois de quatro voltas completas na pista, desceu e lascou o seguinte comentário: “Que motor bravo esse! Anda muito e passa claramente a impressão de estar acelerando um carro de passeio com motor apimentado.

Boettcher comentou também sobre as trocas de marchas macias proporcionadas pelo câmbio de oito velocidades de relações curtas. As trocas podem ser feitas manualmente pela alavanca ou pela aletas (Shift Paddles) atrás do volante. 

“Todo o conjunto é perfeito. É até demais para uma picape e se a Volkswagen quis foi realmente surpreender, conseguiu seu objetivo”, disse  o ex-piloto e atual superintendente do Autódromo Internacional de Goiânia. Vale lembrar que o Overboost, mas com atuação imbatível nas ultrapassagens.

Versões e preços

Apenas as versões mais completas de seis cilindros Highline e a topo Extreme da Amarok V6 2021 são equipadas com motor de 258 cv, não sendo demais dizer 272 cv por conta do Overboost. O motor entrega todo o seu rendimento entre 3.250 e 4000 rpm e o torque máximo entre 1.400 e 3.000 rpm.

O modelo mantém ainda a linha 2.0 TDI de 180 cv e 42,8 kgfm nas versões Comfortline e Highline, mas somente para vendas diretas.

A Volkswagen Amarok V6 Extreme testada pelo DMAutos custa R$ 256.390 sem os opcionais. Abaixo dela com motor V6 está a versão Highline tem preço de R$ 243.290. Nas versões V6 2020 os preços praticados eram de R$ 234.690 e R$ 247.290, respectivamente. As mexidas no motor e torque, portanto, tiveram um custo adicional.

Ausências importantes

A nova Amarok V6 2021 é praticamente a mesma nos equipamentos. Inadmissível uma picape desse porte não oferecer até agora chave presencial, frenagem automática de emergência ou mesmo tampa da caçamba com trava elétrica.

São itens que já integram boa parte das suas rivais topo de linha. Uma renovação de motor merecia ser acompanhada de itens tão importantes para uma picape que passa dos R$ 240 mil.

O pacote Black Style é a grande novidade na versão Extreme, seguindo a tendência de escurecimento. O kit opcional na cor Mystic Black, com custo de R$ 1.880, inclui rodas pretas de 20 polegadas, moldura do painel e frisos do farol de neblina na cor preto brilhante e estribo lateral tubular, capa do retrovisor e para-choque traseiro preto fosco, além da capota marítima, vendida por R$ 1.170.

Com esse pacote, a versão Extreme passa a custar R$ 259.440 com o Pacote Black Style.

Equipamentos de segurança

A Volkswagen Amarok 2021 traz ainda como recursos eletrônicos de série Controle Eletrônico de Estabilidade (ESC), HDC (Hill Descent Control ou Controle Automático de Descida), HSA (Hill Start Assist ou Assistente para Partida em Subida) e BAS (Sistema de Assistência à Frenagem).

Fazem parte da lista também os sistemas ASR (Controle de Tração), EDS (Bloqueio Eletrônico do Diferencial), freios ABS off-road, RBS (sistema de frenagem na chuva), freios com discos ventilados nas rodas traseiras, airbags frontais e laterais para motorista e passageiro e Post Collision Brake (sistema que para o veículo após uma batida frontal).

Connectividade

Em termos de conectividade, as configurações a versão Extreme da VW Amarok 3.0 V6 – e também a Highline –  traz de série a central de infotainment Discover Media com App-Connect, CD-player/MP3, conexão Bluetooth, entradas USB, SD-card (2) e aux-in, sistema de navegação nativo e tecnologia de espelhamento de smartphone via Apple CarPlay e Android Autro.

Medidas

A VW Amarok 3.0 V6 mede 5.254 milímetros de comprimento, 3.097 milímetros de distância entre os eixos, 1.834 milímetros de altura e 1.944 milímetros de largura. O tanque de combustível tem capacidade para até 80 litros.

Já a caçamba tem uma capacidade volumétrica de 1.280 litros. Suas dimensões são 1.555 milímetros de comprimento, 580 milímetros de altura, 1.620 milímetros de largura e 1.222 milímetros entre as caixas de roda. A carga útil máxima, por sua vez, é de 1.156 quilos.

Volkswagen Amarok V6 Extreme 2021: Acessórios do pocote Black Style

• Rodas de liga leve de 20 polegadas ‘Talca’ com acabamento em preto brilhante
• Para-choque traseiro em preto fosco
• Grade dianteira com frisos em Black Glossy e cromado
• Espelhos retrovisores externos em preto Ninja
• Estribos tubulares em aço em preto fosco
• Spoiler dianteiro em preto brilhante
• Frisos dos faróis de neblina em preto brilhante
• Detalhes de acabamento interno em preto brilhante

Comentários