Economia

Com bandeira vermelha conta de energia fica mais cara em todo país

O que influenciou o aumento do preço da energia foi a necessidade de aumento da geração termelétrica, em patamares que condizem com o da Bandeira Vermelha 1.

diario da manha
Foto: Reprodução

Segundo informações divulgadas na última sexta-feira (26/7), pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), a bandeira tarifária em agosto de 2019 será a bandeira vermelha, patamar 1, com custo de R$ 4,00 para cada 100 quilowatts-hora consumidos.

Um dos motivos segundo a ANEEL, é que o mês de agosto é um mês típico da estação seca nas principais bacias hidrográficas do Sistema Interligado Nacional (SIN) e a previsão hidrológica para o mês sinaliza vazões abaixo da média histórica, além disso, a tendência é de redução dos níveis dos principais reservatórios.

O que influenciou o aumento do preço da energia, Preço da Liquidação das Diferenças (PLD) e dos custos relacionados ao risco hidrológico (GSF), que são as duas variáveis que determinam a cor da bandeira a ser acionada, foi a necessidade de aumento da geração termelétrica, em patamares que condizem com o da Bandeira Vermelha 1.

O sistema de bandeiras tarifárias sinaliza o custo real da energia gerada, possibilitando aos consumidores o bom uso da energia elétrica. O funcionamento do sistema das bandeiras tarifárias criado pela ANEEL é bem simples. As cores verde, amarela ou vermelha (nos patamares 1 e 2), indicam se o custo da energia será maior ou menor em função das condições de geração de energia.

Com a cobrança da bandeira vermelha e o aumento da tarifa de energia veja algumas dicas para economizar

É importante reforçar ações relacionadas ao uso consciente e combate ao desperdício de energia. Algumas das dicas são: tomar banhos mais curtos, selecionar a temperatura morna no verão, verificar as potências no chuveiro e calcular o seu consumo, também é muito importante não deixar portas e janelas abetas em ambientes com ar condicionado, manter os filtros do ar condicionado limpos, diminuir ao máximo o tempo de utilização do aparelho e colocar cortinas nas janelas que recebem sol direto.

Além disso, é importante só deixar a porta da geladeira aberta o tempo que for necessário, regular a temperatura interna, nunca colocar alimentos quentes dentro da geladeira, deixar livre o espaço para ventilação na parte de trás da geladeira, não forrar as prateleiras, descongelar a geladeira e verificar as borrachas de vedação regularmente.

Alguns cuidados ao utilizar o ferro de passar também são importantes, como: juntar roupas para passar de uma só vez, separar as roupas por tipo e começar por aquelas que exigem menor temperatura e nunca deixar o ferro ligado enquanto faz outra coisa.

É importante utilizar iluminação natural ou lâmpadas econômicas e apagar a luz ao sair de um cômodo, outra dica é pintar o ambiente com cores claras para melhorar a iluminação. Retirar os aparelhos da tomada quando possível, também pode ser uma ótima oportunidade para economizar energia.

Comentários

Mais de Economia