Economia

Gol compra 250 aviões elétricos eVTOL; previsão de início de operação é em 2025

O VA-X4 pode transportar até quatro passageiros e um piloto, com alcance de 160 km e velocidade máxima de 320 km/h

diario da manha
Por Luana Pavani

A Gol terá malha de aeronaves elétricas do tipo eVTOL, com previsão de início de operações em meados de 2025. A companhia aérea assinou, em conjunto com o Grupo Comporte, do acionista controlador, protocolo de intenções não-vinculante com a Avolon para aquisição e/ou arrendamento de 250 aeronaves.

“O Grupo Comporte está provendo os recursos requeridos para investimento nesse projeto, que utilizará a expertise em aviação da GOL para desenvolver a malha aérea utilizando as aeronaves VA-X4 eVTOL”, conforme o comunicado, citando o modelo criado pela empresa britânica Vertical Aerospace.

O VA-X4 pode transportar até quatro passageiros e um piloto, com alcance de 160 km (100 milhas) e velocidade máxima de 320 km/h (200 mph). “A aeronave eVTOL também produz 100 vezes menos ruído do que um helicóptero em voo de cruzeiro, e 30 vezes menos nos momentos de decolagem e pouso”, diz em nota, destacando a tecnologia de ponta com parceiros e fornecedores renomados, incluindo Honeywell, Microsoft, Rolls-Royce e Solvay.

Para a parceria, será feito estudo de viabilidade, incluindo a certificação da aeronave e análise da infraestrutura necessária para operar essa aeronave com a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), o Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea), e outras autoridades aeronáuticas nacionais e internacionais. “A Avolon espera concluir o processo de certificação do VA-X4 no Brasil até 2024, com a Companhiainiciando voos comerciais com o eVTOL como parte de sua malha aérea em meados de 2025”, conclui.

Comentários