Entretenimento

Nova TBC: 90 dias de revolução jornalística

diario da manha

A movimentação de profis­sionais e veículos, a sensível mudança na programação, as caras novas na tela e o jornalis­mo ao vivo a qualquer hora do dia ou da noite não deixam dúvida: a Televisão Brasil Central (TBC) e as Rádios Brasil Central (RBC) AM e FM não são mais as mesmas e fa­zem jus ao adjetivo novas agregado a seus nomes. Desde que o jornalis­ta João Bosco Bittencourt assumiu o comando dos canais, o jornalismo passou por uma verdadeira revolu­ção editorial, os profissionais foram valorizados e adquiriram autoesti­ma e os veículos da Agência Brasil Central (ABC) começaram a inco­modar a concorrência.

Quem acompanha a programa­ção das novas TBC e RBC sentiu a mudança já nos primeiros dias. A princípio, a impressão que se tem é que as transformações custaram caro tanto em termos de estrutu­ra física quanto de pessoal. Um olhar mais atento, no entanto, re­vela o contrário: o que João Bos­co fez foi basicamente recuperar a missão jornalística dos veículos, abrir a programação à participação de especialistas e telespectadores e dar liberdade criativa para os pro­fissionais. Assim, a nova TBC rom­peu o isolamento e está projetando o talento de seus jornalistas.

“O grande investimento foi na digitalização. O ex-governador Marconi Perillo e o governador José Eliton investiram R$ 25 mi­lhões na compra de equipamen­tos e atualização dos estúdios e de toda a estrutura física”, diz João Bosco. “Não há sombra de dúvi­da: o que temos aqui na TBC e na RBC é uma das melhores infraes­truturas tecnológicas de produ­ção de conteúdo jornalístico do Brasil”, afirma o presidente das emissoras. “O que estamos pro­curando fazer todos os dias é o bom jornalismo e fazer por mere­cer todo esse enorme investimen­to em nossa estrutura”, diz.

As mudanças, no entanto, não param e as novas TBC e RBC continuam avançando no senti­do de oferecer produtos de qua­lidade e que tenham relevância ao público. As novas novidades serão vistas nos próximos dias com o lançamento de produtos jornalísticos. A televisão terá um programa matinal, entre 6h30 e 7 horas, e seus boletins, divulga­dos de hora em hora, terão a di­reção de no mínimo 10 minutos. Já a rádio terá dois novos progra­mas, um ao meio-dia e outro no final da tarde.

As inovações fazem parte do projeto de revitalização promo­vido pela Agência Brasil Central (ABC), na direção de João Bosco Bittencourt. “Um dos nossos ob­jetivos sempre foi o de tornar as emissoras mais interativas, pró­ximas ao cidadão e com mais participação popular”, disse o presidente da ABC.

Segundo ele, os novos pro­gramas vão reforçar ainda mais as mudanças na linha editorial da TBC e RBC. Os novos produ­tos serão compostos por links ao vivo, comentaristas, debates, correspondentes no interior do Estado e um reforço no jornalis­mo comunitário.

As mudanças implantadas pela nova direção da ABC já se tornaram referência no Estado e fora dele. Somadas às novida­des, a emissora, que já transmite seus sinais em alta definição (HD) para 11 cidades, vai ampliar seu sinal digital, ainda no primeiro se­mestre, para outros 10 municípios goianos. Nesta nova fase também está previsto que a TV Brasil Cen­tral chegue em alta definição para toda a América do Sul.

 

 

Nova TBC é protagonista de novas medidas para a Educação

As equipes da Secretaria de Educação, Cultura e Esporte (Se­duce) e da nova Televisão Brasil Central (TBC) se uniram para ofe­recer conteúdo de reforço aos es­tudos dos alunos que estão se pre­parando para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O Goiás + Enem na TV é parte das novas me­didas implantadas pelo governa­dor José Eliton para aprofundar a qualidade da educação pública es­tadual, que está nas primeiras posi­ções no ranking nacional do Ideb. O programa irá ao ar todo domin­go, entre 10h30 e 11h.

O lançamento oficial do pro­grama ocorreu no último dia 25 de abril, em solenidade coman­dada pelo governador José Eliton, pelo titular da Seduce, Marcos das Neves, e pelo presidente da nova TBC, João Bosco Bittencourt. Na ocasião, o governador José Eliton também anunciou a ampliação do Goiás + Enem: uma maratona gra­tuita de aulas voltada para alunos da rede estadual que estão con­cluindo o Ensino Médio. Os pro­gramas caminharão juntos. “Esta­mos preparando os jovens goianos para o desafio gigantesco de fazer o Enem que, por sua vez, possibi­lita abrir perspectivas para o curso superior”, destacou o governador.

No programa que vai ao ar na TBC, os personagens Frutuoso e Rubirosa estão se preparando para o Enem. Curiosos, tentam tirar todas suas dúvidas com os professores. O periódico vai cami­nhar junto com o Goiás +Enem. Todo domingo, a edição que vai ao ar será diretamente ligada ao que os alunos estudarão durante a semana. O programa abordará quatro áreas de conhecimento: linguagens, matemática, ciências humanas e ciências da natureza.

O Goiás +Enem na TV será exi­bido de maio a outubro. Em julho terá edições especiais para esti­mular os estudos durante o perío­do de férias. Além de ser uma fer­ramenta extra e gratuita para os alunos da rede pública de ensino, a parceria entre a Seduce e a TBC vai beneficiar os goianos em ge­ral, uma vez que qualquer pessoa que tenha TV em casa pode assis­tir aos programas e atualizar seus estudos. O conteúdo é sequencial e de fácil compreensão.

“A ABC está passando por mudanças estruturais e concei­tuais. Além de um jornalismo mais interativo, estamos focando em projetos que ofereçam mais conhecimento ao espectador, e o Goiás +Enem na TV é um exem­plo disso”, destacou o presiden­te da ABC, João Bosco Bitten­court. Criado em 2015, o Goiás + Enem é uma maratona gratui­ta de aulas que prepara os con­cluintes do Ensino Médio para o Exame Nacional de Ensino Mé­dio (Enem) e vestibulares.

 

 

De Kajuru a Marconi: jornalismo da nova TBC não tem cabresto

Na revolução editorial promo­vida por João Bosco nas novas TBC e RBC há uma cláusula pétrea: não há assunto que não possa ser abor­dado e não há quem não possa ser entrevistado, do factual ao res­peitado Roda de Entrevista. Pelo principal jornalístico da nova TBC já passaram Iris Rezende, Daniel Vilela, Maguito Vilela, José Nelto, Marconi Perillo, José Eliton, Ale­xandre Baldy e, nesta terça-feira, a cadeira de honra do Roda será ocupada por Jorge Kajuru.

Exatos três meses depois de co­meçar a ser implantada pelo pre­sidente da Agência Brasil Central (ABC), a nova linha editorial dos veículos de comunicação do Go­verno de Goiás já se tornou refe­rência no Estado e fora dele. As novas TBC e RBC, que receberam investimentos de R$ 27 milhões para modernização e digitalização pelo governador Marconi Peril­lo, estão movimentando o merca­do jornalístico, dando visibilidade aos ótimos profissionais de seus quadros e mostrando que o con­teúdo produzido nem de longe precisa ser “chapa branca”.

É isso que atesta a decisão da nova TBC, respaldada pelo ex-go­vernador Marconi Perillo e pelo governador, José Eliton, de fazer a cobertura das prefeituras admi­nistradas por partidos de oposi­ção e de levar para o Roda de En­trevista, seu principal jornalístico, políticos como o prefeito de Goiâ­nia, Iris Rezende, o ex-prefeito de Aparecida de Goiânia Maguito Vilela, o deputado estadual José Nelto (todos do MDB) e o verea­dor Jorge Kajuru (PRP).

 

 

Nova TBC inaugura a era do telejornalismo em tempo real em Goiás

Repaginada desde o começo do ano, a nova TV Brasil Central (TBC) inaugurou uma nova era no telejor­nalismo de Goiás: a era do tempo real. Com boletins ao vivo no de­correr da programação, a TBC está subvertendo a tradição de só se vei­cular notícias na TV nos telejornais do almoço e da noite, que existe no Estado há décadas.

No feriado prolongado no Dia do Trabalho (1º de maio), a emissora acompanhou com flashes ao vivo o velório de um dos mais importantes escritores da história de Goiás: José MendonçaTeles, falecidoaos82anos. A repórter Rafaella Bernardes passou odianoCemitérioJardimdasPalmei­ras ouvindo personalidades e discu­tindo com elas o legado do autor de obras como Vida e Obra de Silva e Souza, A Imprensa Matutina e Dicio­nário do Escritor Goiano”.

A TBC foi também a única emis­sora de TV goiana a transmitir a ínte­gra dos depoimentos do prefeito Iris Rezende (MDB) e do ex-governa­dor Marconi Perillo à Comissão de Inquérito (CEI) da Câmara Munici­pal que investiga irregularidades na Saúde de Goiânia e também a pos­se do governador José Eliton (PSDB), para citar três exemplos.

 

Mundo em Sua Casa inova com correspondentes do interior

A regra é válida também para o Mundo em Sua Casa, principal pro­grama da RBC. A revolução na linha editorial das novas TBC e RBC é re­sultado da compreensão do presi­dente da ABC de que também os veículos públicos devem estar sin­tonizados com o mercado edito­rial das emissoras comandadas por grupos privados. O programa é feito em parceria com rádios do interior.

“A popularização da internet e dos smartphones muda comple­tamente a forma como as pessoas recebem e interagem com a notí­cia. Essa mudança exige de todos os veículos de comunicação alterações muito profundas no relacionamen­to com a audiência”, diz o presiden­te das novas TBC e RBC.

“A audiência não se contenta mais em receber as informações. Ela quer pautar as matérias, quer in­terferir na condução do conteúdo e se não for atendida em uma emis­sora ela vai procurar outra”, diz João Bosco Bittencourt. Por isso, explica, a interatividade é o centro da nova linha editorial das emissoras. O ob­jetivo é ouvir a opinião dos ouvintes e dos telespectadores, compreen­der a demanda deles por conteúdo e incluí-los na tomada de decisões.

Promover a interatividade, no en­tanto, não é tarefa simples e não se resume a abrir os canais de diálogo com a audiência, diz o presidente das novas TBC e RBC. É preciso fazer com que os espectadores se sintam de fato parte da programação, criar uma dinâmica de intimidade com eles. Daí os videoselfies, em que os re­pórteres “conversam” com os ouvin­tes e telespectadores, estimulando a participação, diariamente. O mode­lo deu tão certo que até outras emis­soras copiaram o formato.

PRIORIDADE PARA O VIVO

Outra inovação de destaque da nova programação é a expansão ra­dical da programação local e ao vivo. Apesar de afiliada da TV Cultura, a ABC tem maior liberdade para am­pliar o jornalismo e os programas de entretenimento – ao contrário de afiliadas das televisões chamadas comerciais. Por determinação de João Bosco, as novidades mais im­portantes merecem sempre ser ao vivo, não apenas as ações do gover­no estadual, mas também da Prefei­tura de Goiânia e do governo fede­ral, por exemplo.

A programação local, por exem­plo, não se resume à cobertura da capital e do seu entorno. A meta das novas TBC e RBC é ampliar sua rede de correspondentes, colocando no ar os principais âncoras e jornalis­tas de rádios e televisões espalha­das pelo interior. Neste sábado, 31, a ABC e a TV Sucesso de Rio Verde, por exemplo, assinaram um termo de cooperação que permite que as emissoras repliquem seus conteú­dos a qualquer tempo, conforme o interesse jornalístico.

“Com a internet, não há mais um modelo estático de jornalismo. Não há mais o jornalismo feito para a te­levisão. É preciso pensar o conteú­do de forma integrada, estar presen­te em todas as plataformas”, diz João Bosco. Por isso fazemos questão da parceria com outras emissoras, de abrir espaço para que outros veícu­los contem para nossos espectado­res o que eles estão fazendo. Isso é, sem dúvida alguma, benéfico para todos”, afirma.

 

 

 

 

AS MUDANÇAS EDITORIAIS NAS NOVAS TBC E RBC

 

INTERATIVIDADE

Os espectadores opinam e participam da produção do con­teúdo jornalístico

INTEGRAÇÃO

Televisão, rádio, impresso e internet são um único meio e pla­taforma e as notícias circulam por todos eles

JORNALISMO AO VIVO

Prioridade para o tempo real, na hora em que a notícia acontece

CONTEÚDO LOCAL

A notícia local é a mais importante, por isso a meta é ampliar cada vez mais o time de correspondentes

APARTIDARISMO

O Governo de Goiás não é a única fonte de informação, nem os partidos e líderes da base aliada são os únicos políticos com voz. A oposição e suas áreas administrativas têm vez, e com equilíbrio.

tags:

Comentários