Entretenimento

Seleção Prix de Lausanne será realizada pela primeira vez no Brasil,em Goiânia

diario da manha

A Pré-seletiva para o Prix de Lausanne, uma das maio­res competições de dança do mundo, será realizada pela primeira vez no Brasil. O evento acontecerá em Goiânia, nos dias 29 e 30 de setembro, sendo reali­zado pelo Conselho Brasileiro da Dança (CBDD) e produzido pelo Studio Dançarte, das irmãs Gisela e Ariadna Vaz. As inscrições para esta etapa estarão abertas até o dia 9 de setembro.

O Prix de Lausanne é uma competição anual, realizada na Suíça desde 1973 e organizada pela Fondation en Faveur de l’Art Chorégraphique. Os ven­cedores são agraciados com bol­sas de estudos e despesas pagas por um ano nas escolas e com­panhias associadas. Entre as as­sociadas em 2018 estavam The Royal Ballet, American Ballet Theatre e Stuttgart Ballet, algu­mas das escolas de dança mais renomadas do mundo.

A Pré-seletiva é utilizada para escolher candidatos de todas as nacionalidades que serão convi­dados para o Prix de Lausanne e, geralmente, é realizada na Argen­tina ou Uruguai, sendo esta a pri­meira vez que o Brasil é palco para o processo. Os alunos de balé nas­cidos entre 9 de fevereiro de 2000 e 9 de fevereiro de 2004 e que dese­jam tornar-se bailarinos profissio­nais podem se inscrever gratuita­mente no site prixdelausanne.org.

Para efetivar as inscrições, os participantes devem enviar um formulário, um questioná­rio médico preenchido e um ví­deo em que o bailarino execute uma das variações clássicas do Prix de Lausanne. Todos os do­cumentos e informações acerca dos procedimentos da Pré-sele­tiva estão disponíveis no site em português, inglês e espanhol.

Os envios serão apreciados pela organização da competição e os nomes aprovados nesta etapa serão anunciados via e-mail. Os escolhidos deverão se apresen­tar nos dias 29 e 30 de setembro, no Teatro Rio Vermelho, no Cen­tro de Convenções de Goiânia, que fica na Rua 4, número 1400, no Setor Central, em Goiânia. A final da Pré-seletiva, no domingo (30), será aberta ao público.

Para a apresentação no Teatro Rio Vermelho, cada participante deverá preparar um solo clássico das variações do Prix de Lausan­ne e um solo contemporâneo. O júri da Pré-seletiva é constituído por personalidades do mundo da dança internacionalmente re­conhecidas: Lidia Segni, Kathryn Bradney, Igor Piovano, Cláudia Zaccari e Gisela Vaz.

O desempenho dos concor­rentes será analisado e dois can­didatos terão todas as despesas pagas pela Fondation en Faveur de l’Art Chorégraphique para a apresentação na Suíça. Outros dois serão patrocinados pela Só Dança, uma loja de artigos de dança, que arcará com o custo das passagens aéreas.

Não poderão se inscrever bai­larinos que possuam ou tiverem possuído um contrato como baila­rino profissional. A inscrição para participar da Pré-seletiva do Prix de Lausanne em Goiânia é gra­tuita, mas as viagens para Goiâ­nia e as despesas são de respon­sabilidade do candidato.

PRIX DE LAUSANNE 2019

A próxima edição da compe­tição será a 47ª e acontecerá em Lausanne, na Suíça, de 3 a 10 de fevereiro de 2019. A cada edição, pelo menos oito candidatos são premiados com bolsas de estudos na escola associada de sua prefe­rência. Ao todo, 13 brasileiros já venceram os prêmios, entre eles o goiano Adhonay Soares Silva, em 2013. Adhonay Silva escolheu ir para a John Cranko Schule e, hoje, é solista da companhia Stut­tgart Ballet, na Alemanha.

Comentários