diario da manha
Humberto Marra ,Emiliana ,André

Instalado em local privilegia­do do Setor Bueno, o Seren­dipity Comer e Beber, novo. Se prepare, porque vem aí o festi­val de gastronomia no Serendipity Comer e Beber no Setor Bueno. O food park da cidade promove, entre os dias 14 e 16 de setembro – das 18 às 23 horas –, o primeiro Festival Bueno Gusto – uma ho­menagem ao bairro. Na organiza­ção e curadoria do evento estão três chefs conhecidos que adoro: Humberto Marra, André Barros e Emiliana Azambuja.

No processo de seleção dos trucks, trailers, bikes, kombis e barracas, o trio teve o cuidado de escolher pelo critério da qualida­de – excelência no manuseio dos ingredientes, apresentação e sa­bor. O resultado é um mix de co­midas e bebidas que contempla todos os paladares: doces e bo­los, churros, jantinhas, panque­cas, queijos artesanais, pipoca gourmet, escondidinhos, comi­da mexicana, batata recheada, pizzas, sanduíches árabes e mais.

O público terá a oportunida­de, também, de degustar itens da alta gastronomia, a exemplo da paella valenciana preparada pelo músico e cozinheiro de mão cheia Fausto Noleto; o mini-brie, a chi­ca doida, os dadinhos e o aranci­ni – tudo com trufa – da Tartufe­ria San Paolo; Marcelo do Piquiras vai levar o risoto do Cerrado – in­venção dele, aliás –, a costela as­sada e a massa no Grana Padano. Dom Rapahel – que é fixo no lo­cal – vai manipular os irresistíveis sanduíches na parrilla argentina e tem ainda os assados nobres do chef Rodrigo Melo, do Macellaio Gastronomia. E mais: os elegan­tes macarrons do chef Luiz Otávio.

E PRA BEBER?

Bom, no bar do espaço, vários tipos de cerveja e refrigerante. Se a preferência for vinho, o empresá­rio Marcelo Marques, do Piquiras, se encarregou de elaborar uma cri­teriosa carta para harmonizar com as iguarias que estarão sendo ven­didas no local. Já a Flau Champa­nheria vai disponibilizar em seu carrinho champanhe e suas varia­ções uma seleção de vinhos da My Winery. E tem mais: cervejas e cho­pe com gosto de bar da gente: a re­gional cerveja Colombina.

Durante os três dias de even­to, uma ampla programação para toda a família: aulas de gastrono­mia com os chefs André e Emilia­na e lições de culinária que serão ministradas pela Pinole Gastro­nomia e Nutrição, uma consulto­ria que elaborou um projeto sobre sabores na infância e que conjuga os ensinamentos da gastronomia com educação nutricional, através de atividades lúdicas que atraem a atenção das crianças. E mais: músi­ca ambiente e brinquedoteca à dis­posição. O Serendipity é espaço pet friendly, então, os bichinhos de es­timação são bem-vindos.

EVENTO INCLUSIVO

Entre os expositores, um belo exemplo de inclusão. O pessoal da Associação Down (Asdown) de Goiás vai fazer e vender ros­quinhas de nata, brigadeiros e outras guloseimas, sob a orien­tação da presidente da entidade, Ana Maria Ferreira. A participa­ção deles é uma espécie de trei­namento para um antigo e nobre projeto: a fundação de uma cafe­teria onde os portadores da Sín­drome possam trabalhar e ad­quirir independência financeira – e, muito importante, derrubar a barreira do preconceito. Com certeza vai ser um evento baca­na de gastronomia que irá trans­formar os alimentos em arte. Vai ser temperada com cultura e aro­matizada de sabedoria.

 

 

CAÇAROLAS DA SEMANA E VINHOS

MACARON

A origem do macaron vem sendo discutida há tempos, al­guns defendem a ideia de seu nascimento na Itália, como maccherone, outros na Fran­ça, onde existe até um espaço dedicado a ele – Le Musée de L’amande et du Macaron, em Montmorillon. Indiscutivel­mente foi por ocasião do casa­mento de Catherine de Médici com o Rei Henri II, que foram le­vados a nobreza francesa.

Mas a história deste confei­to, crocante por fora e macio por dentro, somente se propa­gou mundo afora com a desco­berta de seu segredo pelas fei­ras parisienses. Adaptado por Pierre Desfontaines, fundador da Maison Ladurée, deixa de ser apenas um biscoito e torna-se um docinho extremamente so­fisticado. O macaron represen­ta a mesma simbologia do casal, duas metades unidas por um recheio doce.Hoje a noiva mo­derna casa com macaron, que é tendência em Paris há sécu­los! Harmoniza bem com pro­seccos, espumantes, chás e es­pressos gourmet.

Em Goiânia, o chef Luiz Otá­vio Soares está fazendo muito sucesso com seus macarons. Eu confesso para vocês, que quan­do provei o macaron do chef, eu viajei ao paraíso. É simples­mente uma poesia no paladar. Eu harmonizei com espuman­te Moscatel e foi um casamen­to perfeito.

CARMEM GRAN RESERVA MERLOT

A Viña Carmen realizou uma rigorosa seleção dos melhores lotes de Merlot, exclusivamen­te dos vinhedos do Alto Mai­po. Os enólogos ficaram tão impressionados com a quali­dade das uvas que decidiram criar o Gran Reserva Merlot – um vinho ainda superior ao consagrado Carmen Reserva Merlot. Rico e macio, com ca­tivantes notas de frutas madu­ras e diversas camadas de sa­bores no palato, é um vinho de surpreendente relação quali­dade/preço.

 

 

O QUE TEM PARA COMER?

Dom Rapha

HAMBÚRGUERES E SANDUÍCHES NA PARRILLA

QUEIJARIA ARTESANAL DA LUCIANA MENDONÇA: QUEIJOS ESPECIAIS VARIADOS

ASSADOS NA BRASA

PIZZAS

BROWNIE, ALFAJOR, PASTELZINHO DE NUTELA, BOLOS, TORTA ALEMÃ, PUDIM, CONE RECHEADO TRUFADO. ALÉM DA FOOD BIKE COM CHURROS GOURMET E JANTINHA

TARTUFERIA SAN PAOLO: MINI-BRIE, CHICA DOIDA, DADINHO, E ARANCINI, TUDO TRUFADO

BANQUINHA DA ASDOWN: ROSQUINHA DE NATA DA THETE, BISCOITINHOS, BOLINHO DE POTE, BRIGADEIROS

PIQUIRAS: RISOTO DO CERRADO, MASSA NO GRANA PADANO, COSTELA E VINHOS

ELAINE MOURA: PIPOCA GOURMET NOS SABORES COOKIE, LEMOM PEPPER, CHOCOLATE BRANCO COM LEITE EM PÓ

FAUSTO NOLETO: PAELLA VALENCIANA

CERVEJA E CHOPE DA MARCA COLOMBINA

SANDUÍCHE DE KAFT A SHAWRMA

CHEF FLORIANA KOLLING: COMIDA MEXICANA

BATATAS FRITAS E RECHEADAS

DIOMÁLIA INÁCIO: ESCONDIDINHO DE CARNE DE SOL, FRANGO E CAMARÃO; E ABÓBORA COM CARNE SECA

VIA MARTELLI ATELIÊ, BY VIVIAN MARTELLI: VÁRIOS SABORES DE TORTELLETES

BOLOS E BROWNIES FUNCIONAIS E LOWCARB

PICOLÉS E SORVETES

COMIDA ÁRABE: QUIBE E ARROZ COM CARNEIRO

CHEF WELLINGTON NUNES: YAKISOBA E PANQUECA DE SHITAKE

CHEF LUIZ OTAVIO: VARIEDADE DE MACARONS

VINHO E CHAMPANHE

SUELITA COSTA: BAUNILHA DO CERRADO – TAMBÉM NA VERSÃO COM AÇÚCAR –, MUDAS DE BAUNILHA DO CERRADO E AVENTAIS ARTÍSTICOS

ALDEIA MARIA: PRODUTOS ORGÂNICOS

Pop Corn gourmet Eliane Moura

Comentários