Entretenimento

Têm fatos e sentimentos que são como o vinho, só o tempo apura

diario da manha

Vinhos são maravilhosos quando estamos acompa­nhados de quem amamos, mas nesta época, especialmente, ficamos mais sensíveis às coisas. O mundo, ultimamente, anda tão tu­multuado e as relações humanas estão difíceis de ser compreendidas. As famílias hoje são outras, com­postas de agregados que exigem de nossa parte o exercício da palavra “amor” em todo o seu contexto e universalidade.

Com a vinda da tecnologia, mudaram os processos, melhora­ram nossas vidas, tornou o vinho algo mais complexo, instigante, mas ela nos colocou na vida mo­derna, às vezes, desorientados no nosso querer, na nossa falta de calma, intensificando a busca pelo conforto, o excesso, o aces­so aos bens materiais, elevando o “ter” em detrimento do “ser”.

Éramos mais felizes quando as ruas permitiam que circulás­semos em segurança, quando sa­boreávamos uma fruta, e ela real­mente possuía o sabor da natureza pura. Não sou defensora de coisas do passado, de permanecer sem evolução, mas no homem a evolu­ção tecnológica não trouxe o amor como forma de relação verdadei­ra e civilizada.

A alma e a consciência preci­sam se expandir em direção ao bem, ao bem querer, ao bem co­mum, tanto incomum de ser ob­servado nos dias de hoje. Seja como os vinhos, seja como for, onde cada coisa é um acessório de cada um, para elevar-se e bus­car a grata satisfação de ter feito o bem para seu semelhante.

Costumo selecionar amizade como o vinho, se inicia com uma boa safra e se aperfeiçoa com o tempo. Na taça deve ser degusta­do com cuidado para identificar­mos os aromas da sinceridade e da lealdade. Ao brindar, selemos um abraço que se estende além do tempo e se expande até o in­finito, assim é a amizade, assim são os verdadeiros amigos. O vi­nho da vitória compartilho com meus queridos, pois ele vira vi­nagre na boca de quem finge ser meu amigo.

A melhor maneira de introdu­zir amigos ao mundo do vinho é abrir garrafas melhores do que eles estão acostumados, mas só falar de suas virtudes caso lhe seja perguntado. Mostrar nossa gratidão a Deus pelo vinho, go­zando de coisas legais com ale­gria e em boa companhia, mas sem nos excedermos. Cuidado, quem está infeliz e bebe para buscar a felicidade, com certeza não se chega à raiz do problema. Deve-se mudar algo que está te fazendo infeliz.

COMPARTILHAR GASTRONOMIA, VINHO E CONHECIMENTO

Me encanto com as histórias que ouço em uma mesa da cozi­nha ou em um restaurante com amigos e sempre acompanhado de um vinho, e fico triste quem me rouba a solidão sem verda­deiramente me oferecer compa­nhia! Só excluo da minha vida facilmente! Mas não sinto raiva, não sinto nada.

As coisas que deveria saber, eu sei; mas ainda não sei quem eu sou, só sei o que tenho que fazer: continuar respirando, que sou espiritualista e acredito em Deus! Não me alimento do “qua­se”, não me contento com a me­tade, não suporto mentiras! Sou insaciável por conhecimento! Inteligência para mim é afro­disíaco!

Faço muitas coisas, me mon­to, desmonto, me quebro. Não confundo nunca minha carreira com minha vida. Carreira é car­reira, vida é vida! Hoje ando me afastando de tudo que me atrasa, me engana, me segura e me re­tém para o nada. Fui ser feliz, e não volto! Mas, às vezes, ser feliz é apenas seguir em frente. E qual o problema de ser assim? Por que todo término tem que ser aque­le final clichê? Fique com quem te despe a alma, porque a roupa qualquer um a sabe tirar.

Ufa! Às vezes, tudo o que quero é paz, mas o que quero mesmo são os meus verdadei­ros amigos espirituais, para que possa conversar, partilhar as mi­nhas mais profundas preocu­pações, e medos mais ameaça­dores. Amo meu notebook, e escrever minha coluna Praze­res à Mesa é meu mal, meu ví­cio, um magnífico saca-rolhas, porque sonho com histórias que imagino como romance de livro com sentimentos, e só vale es­crever com vinho, porque vinho me deixa viajar, filosofo mais e escrevo mais. Percebi agora es­crevendo nestas linhas, porque cansei de tudo aquilo que co­meça ou termina.

Preciso de algo que continue, porque talvez só precise de fé­rias, de sorrir, e de um amor que me eletrize toda ou sentir a paz em olhar e sentir a magnitude de um pôr do sol numa praia deser­ta. Meus leitores, se entreguem na alma da vida, embriaguem seu coração sem medo e sem cessar com um amor, com vinho, com literatura, com música, com arte, com poesia e com virtude! Viver ultrapassa qualquer senti­mento! Já gostei de mim, depois passei a me adorar e agora não vivo sem me amar.

Como diz o jornalista Arnaldo Jabor: “Na vida e no amor, não te­mos garantias. Portanto, não pro­cure por elas, viva o que tem que ser vivido, sem medos. O medo é um dos piores inimigos do amor e da felicidade”. Não me dedico a esperar o futuro porque sei viver o meu presente e isso me man­tém cheia de vida e generosida­de por viver o hoje. Não me per­mito perder o desejo, é a minha razão para caminhar.

Lembrem-se, meus leitores, precisamos estar dispostos a nos livrar da vida o que plane­jamos e o que não deu certo, para podermos viver a vida que nos espera. Ser feliz me conso­me muito e ando sem tempo para perder tempo em quem desperdiça sua vida sem amor, e a prudência egoísta que nada arrisca. Claro que possuo im­perfeições; os caminhos desta vida, não sei de cor, pelo menos busco, a cada dia, tornar-me al­guém melhor. Aprendi com as rosas a deixar-me cortar e a vol­tar sempre inteira.

Viver é escandalosamente in­teressante. Viva hoje! Arrisque hoje! Faça hoje! Não se deixe morrer lentamente! Brinda cada garrafa de vinho aberta, viva cada estação enquanto elas duram, respire o ar, beba o vinho, sabo­reie o néctar, e deixe-se levar pe­las influências dos aromas, dos sabores e dos saberes.

 

CAÇAROLAS DA SEMANA

 

Temporada Gourmet traz chefs nacionais a Goiânia

Evento vai movimentar a gas­tronomia local oferecendo aulas­-show com chefs referência no País, além de menus promocionais

De 12 a 23 de setembro, o Goiâ­nia Shopping será o ponto de en­contro para todos que queiram viver novas experiências gastronômicas, aprender receitas de grandes chefs e descobrir os segredos da harmo­nização de alimentos com vinhos e cervejas. É a Temporada Gourmet, que trará a Goiânia chefs de cozi­nha que são referência no País, re­unirá estrelas da gastronomia local e terá menus promocionais nos res­taurantes com serviço, praça de ali­mentação e cafeterias do shopping.

Na lista dos chefs nacionais estão Henrique Fogaça, jurado do programa Masterchef; Leo Young, vencedor do Masterchef 2016; e Vinicius Rossignoli, par­ticipante do Master Chef 2018. O evento ainda terá estrelas da gas­tronomia local: Humberto Mar­ra, André Barros, Emiliana Azam­buja, Marcio Zago e Will Navarro. A sommeliére Letticiae Bitten­court, o beer sommelier Lucas Amaral e as nutricionistas Ga­briela Amaral e Marília Leal tam­bém confirmaram presença.

INSCRIÇÕES

Serão 12 aulas-show GRATUI­TAS e abertas a pessoas de todas as idades. As apresentações aconte­cerão na cozinha-show, que toma­rá conta da Praça de Eventos, Piso 1. Para participar, basta fazer a ins­crição pelo site www.goianiashop. com.br. As vagas são limitadas.

SERENDIPITY PROMOVE O FESTIVAL BUENO GUSTO

Instalado em local privilegiado do Setor Bueno, o Serendipity Co­mer e Beber, novo food park da ci­dade, promove, entre os dias 14 e 16 de setembro – das 18 às 23 horas –, o primeiro Festival Bueno Gusto – uma homenagem ao bairro e aos clientes da vizinhança. Na organi­zação e curadoria do evento estão três chefs conhecidos pela desen­voltura com que lidam com a gas­tronomia e tudo o que ela envolve: Humberto Marra, André Barros e Emiliana Azambuja.

Rodrigo Leão
Henrique Fogaça

 

VINHOS

VINICOLA CATENA ZAPATA

O degustador de Robert Par­ker Luis Gutiérrez afirma que, na Argentina, a Catena Zapa­ta está à frente em qualidade. “Conseguiram reunir uma equi­pe de pessoas extraordinárias. Os vinhedos e o local têm po­tencial, mas esse potencial al­guém tem de transferir da vi­nha à garrafa e isso eles fazem em boa parte graças à equipe, liderada por Alejandro Vigil, um dos melhores enólogos do mun­do. Minha dica desta semana é o Catena Zapata Malbec Reser­va. Um vinho único!

 

MODA

VOGUE FASHIONS NIGHT OUT FLAMBOYANT 2018

A maior celebração mundial em torno da moda poderá ser conferida dia 20 de setembro, no Flamboyant Shopping, em Goiânia. No Brasil, três cidades receberão evento com partici­pação do time Vogue Brasil.

Em setembro, a quinta edi­ção do Vogue Fashions Night Out chega ao Flamboyant Sho­pping. A data escolhida, quinta­-feira, dia 20, contará com ba­te-papos, convidados especiais, experiências diferenciadas de compras, caracterizando um universo interativo relacionado à moda. Haverá, ainda, desfiles das novas coleções e a presença de personalidades. Entre os no­mes já confirmados estão Do­nata Meirelles, diretora de estilo da Vogue Brasil; Daniela Fal­cão, diretora-geral das Edições Globo Condé Nast; Vivian Soto­córno, editora de moda da Vo­gue; Vanessa Rozan, maquiado­ra do programa Esquadrão da Moda e fundadora do Liceu de Maquiagem; Rodrigo Polack, stylist e apresentador do pro­grama 5 Looks, no Discovery Home & Health e a influencia­dora Camila Coutinho.

Comentários