Entretenimento

Após 63 anos separados, casal de idosos se casam

A decisão do pai fez com que o casal seguisse rumos diferentes. Porém a vida ou o destino ligaram o dois novamente

diario da manha
Foto- Reprodução

Após ter o namoro proibido pelo pai, um casal de idosos se reencontrou depois de 63 anos separados, e se casaram no Ceará, onde tudo começou.

Antônia Rodrigues, de 80 anos, e Olavo Oliveira da Silva, 84, namoraram na adolescência, quando ela tinha 16 anos e ele, 20. Porém o pai dela proibiu o casamento, e eles se separaram.

A história dos dois, que parece cena de filme, começou no interior do Ceará. Na época, o pai de Antônia não concordou com a união dois porque ela era muito nova para casar.

“Meu pai queria que eu fosse estudar primeiro, me formar. E que eu só pensasse em casamento após ter os estudos completos”.

Sobe juramento, dona Antônia prometeu que, se não casasse com Olavo, não casaria com mais ninguém. O tempo passou, a jovem moça viajou e morou em outros estados, até se fixar no estado do maranhão. Onde encontrou um companheiro, a qual viveu por muitos anos (sem formalizar a união) até o dia da morte dele.

Entretanto, Olavo permaneceu no Ceará, onde se tornou marceneiro. Ele também encontrou uma companheira, mas acabou se divorciando e passando 10 anos sem se relacionar com ninguém. Foi nesse tempo que o coração o fez recordar do seu primeiro amor.

“Comecei a pensar nela e no que a gente poderia ter vivido. Até que decidi procurá-la. Temos uma amiga em comum e eu pedi o telefone dela. Criei coragem e liguei. E o resto da história é só felicidade”, comentou o idoso.

Depois de muitas conversas, eles decidiram retomar o romance. Foi ai que depois de um tempo, o casal decidiu se reencontrar. Em setembro, do ano passou, foi marcada a viagem que levaria de volta Antônia ao Ceará. Seu Olavo foi pessoalmente buscar a amada no aeroporto de Fortaleza. Semanas depois o casamento foi marcado. Com muita emoção o casal de idosos hoje vive junto numa casa simples, bem perto da natureza e na tranquilidade da zona rural, em Pentecoste, cidade do interior cearense.

A decisão do pai fez com que o casal seguisse rumos diferentes. Porém a vida ou o destino ligaram os dois novamente depois de 63 anos longe um do outro. Unidos pelo amor, hoje eles vivem felizes.

Veja também

Comentários