Esportes

Zagueiro afasta pressão em jogo decisivo

Igor Pereira
Da editoria de esportes
Com a semana cheia para trabalhar, o técnico Márcio Fernandes vai repetir o time pela terceira rodada seguida, para o jogo contra o Anápolis, amanhã, às 16h, pelo Campeonato Goiano da Divisão de Acesso.
A partida tem um caráter decisivo, já que o Tigre garante vaga para o quadrangular final, se vencer, ou pode até mesmo sair da zona de classificação, caso perca e o América de Morrinhos vença o Itaberaí, hoje, fora de casa.
A expectativa é de um bom público, uma vez que, até ontem, mais de 4 mil ingressos já haviam sido vendidos de forma antecipada.
Com todos esses ingredientes, o zagueiro Gustavo Bastos reconhece o caráter decisivo da partida, mas ressalta que a equipe tem que entrar com o mínimo de pressão possível: “Acredito que teremos um público de quase 10 mil, estaremos na frente do nosso torcedor. É um divisor de águas pela situação da classificação, mas nós temos que entrar tranquilos. Se nós entrarmos com a pressão de ter que vencer para acabar com isso logo, de se preocupar por estar jogando para muita torcida, a gente acaba não desempenhando o melhor que a gente tem que fazer. A partir do momento que a gente entra com tranquilidade e executa com naturalidade o que que foi trabalhado durante a semana, as coisas acontecem com mais naturalidade, sem carga de pressão por ser obrigador a vencer”, concluiu o zagueiro.

Comentários

Mais de Esportes