Esportes

Ao ataque

Depois de estreia vitoriosa, técnico Jorginho prega futebol ofensivo contra o América, mesmo jogando fora de casa

diario da manha

 

Para embalar no Campeonato Brasileiro Série B, o Atlético vai até Belo Horizonte-MG. Atuando contra um dos líderes da Segundona, o Dragão enfrenta, hoje, o América-MG. A partida acontece, às 16h30, no Estádio Independência. O rubro-negro soma 7 pontos na classificação e vem de vitória convincente no último jogo, quando bateu o Náutico, por 2 a 0, no Estádio Serra Dourada.

Chegando à segunda partida pelo Atlético, Jorginho mudou toda a rotina de treinamentos do elenco atleticano. Adepto de um futebol ofensivo, com ocupação de espaço e muita velocidade, o treinador tem exigido bastante dos atletas. O novo desafio é vencer longe de seus domínios.

No retrospecto geral, a igualdade é absoluta. Em 12 jogos, foram quatro vitórias para Atlético e América, além de quatro empates. Quando o Coelho é o mandante, as coisas mudam. Os mineiros venceram três vezes, com dois empates e uma vitória dos goianos.

Enfrentando um dos destaques da Série B, Jorginho elogiou o adversário: “O América é um clube que vem, há 2 ou 3 anos, batendo na porta do acesso. Ano após ano, montam bons times, com o treinador chegando com 1 ano de comando. É um time perigoso, com jogadores jovens e que atuam com muita velocidade. Temos que ter a posse de bola, jogando no campo deles, só assim vamos conseguir o bom resultado”, destacou.

Perguntado sobre o que espera de seu time em campo, o treinador manteve a ideia de futebol ofensivo: “Vamos ter muita dedicação e muita ofensividade. Eu não acredito no futebol que primeiro marca e depois joga. Temos que aprender a jogar e depois marcar. Às vezes, o adversário nos impõe um estilo de jogo e nós temos limites. Mas o torcedor pode esperar que vamos sempre jogar para frente, seja em casa ou fora, futebol ofensivo, tentando a vitória. Às vezes, não vai dar, mas podem esperar muita força de vontade do nosso time”, finalizou.

 

América

Comandado pelo experiente Givanildo Oliveira, o América-MG vem fazendo campanha consistente nessa Série B. A equipe ocupa a 6ª colocação com 13 pontos ganhos. Como destaque do elenco, aparece o meia Mancini, que teve passagem marcante pelo futebol europeu, atuando por Internazionale de Milão e Roma. Outro destaque é Marcelo Toscano, meia artilheiro do time, na Segundona, com 3 gols.

Para a partida de hoje, Givanildo não vai poder contar com os atacantes Cristiano, suspenso pelo por expulsão na última partida, e Felipe Amorim, revelado pelo Goiás, que está se recuperando de lesão. Leandro Guerreiro, volante, foi relacionado para o jogo, mas não deve atuar no time titular.

 

 

 

Comentários

Mais de Esportes