Esportes

Riascos e Julio dos Santos em momentos opostos no Vasco

Colombiano ganha nova chance. Paraguaio pode voltar a ficar no banco

Se não é um novo Vasco que aparecerá neste sábado, contra o Sport, às 16h30m, na Arena Pernambuco, a expectativa ao menos é de caras novas ao time. Um deles é Serginho, que atuou 90 minutos pela última vez contra o Cuiabá, na Copa do Brasil, há um mês. Ele tem sofrido com dores musculares e vai ocupar a vaga de Diguinho. Essa, no entanto, não é a única mudança.

Titular contra o Atlético-MG, no fim de maio, Riascos não teve boa estreia e mostrou falta de ritmo. Acabou deixando o jogo no intervalo. Duas rodadas depois, entrou contra o Atlético-PR, em nova derrota fora de casa. Neste sábado, ele volta a atuar desde o primeiro minuto.

— Nós o utilizamos de uma maneira precoce, já que necessitávamos, mas não estava adaptado com os companheiros — reconheceu Doriva, citando o jogo contra o Atlético-MG. — Hoje, ele está adaptado e pronto.

Quem parece ter perdido espaço no grupo é o antes absoluto Julio dos Santos. O paraguaio entrou no time titular durante o Carioca, na vitória sobre o Fluminense que foi considerada de grande importância para Doriva. Ele só saiu do time titular no último sábado, contra o Cruzeiro. Esta semana, voltou a treinar entre os reservas.

— Ele continua sendo importante. É um profissional acima da média e acreditamos nele. Há oscilação natural, faz parte. Ele realmente foi nosso ponto de equilíbrio que achamos no Carioca. É questão de tempo que seja (no Brasileiro) — defendeu Doriva.

O time deve ir a campo com Charles, Madson, Luan, Rodrigo e Christiano; Serginho, Guiñazú, Emanuel Biancucchi e Jhon Cley; Gilberto e Riascos.

Comentários

Mais de Esportes