Esportes

Massa vê caminho difícil para encontrar outro piloto

diario da manha
Felipe era o único brasileiro na principal categoria do automobilismo(Foto:Divulgação)

 

Felipe Massa já confirmou que não irá mais correr na Fór­mula 1 a partir da próxima tem­porada. Com isso, a categoria não terá um piloto brasileiro pelo primeira vez em 48 anos, já que sempre houve ao me­nos um brasileiro desde 1970, quando aconteceu a estreia de Emerson Fittipaldi.

Para piorar, esta situação não deve ficar restringida a apenas 2018. Na opinião de Felipe Mas­sa, o Brasil deve permanecer al­guns anos sem ter um piloto para torcer na principal modali­dade automobilística do planeta. Em sua coluna no site Motors­port, o piloto acredita que será difícil de resolver este problema.

“A falta de piloto do país na F1 é um problema grande para o Brasil. Eu realmente espero que seja uma pequena ausên­cia, mas não será fácil encon­trar piloto com o calibre que tivemos nos últimos 40 anos”, declarou o piloto da Williams.

A falta de conterrâneos na próxima edição da Fórmula 1 não foi a única opinião omitida por Massa em sua coluna. Um dos assuntos destacados pelo piloto paulista foi a emoção de sua última corrida em Interla­gos nesta categoria.

“Eu não poderia ter pedi­do um GP do Brasil melhor do que tive. Emocionalmen­te, foi um fim de semana in­tenso, mas experimentei mui­tos sentimentos positivos. Na parte esportiva também, acre­dito que participei muito do re­sultado máximo possível para mim e para a Williams Martini Racing. Conseguimos terminar a corrida atrás das três princi­pais equipes, e era impossível esperar por mais”, declarou.

 

Comentários

Mais de Esportes