Esportes

Coringa colorado destaca amadurecimento e evolução

diario da manha
No Tigre desde 2016, Maguinho atuou como volante, lateral e atacante(Foto:DOUGLAS MONTEIRO/VILA NOVA F.C)

O lateral Maguinho é um dos símbolos de versatilidade dentro do atual elenco do Vila Nova. O jogador chegou ao Onésio Bra­sileiro Alvarenga em 2016, para atuar como volante. Na posição de origem pouco se destacou. Foi atuando como lateral direi­to que Maguinho alcançou suas melhores atuações, se firmou e desde o final de 2016 é titular absoluto do colorado.

Um fato que simboliza toda essa versatilidade de Maguinho e a confiança que o técnico He­merson Maria deposita nele são as características de coringa que o atleta adquiriu ao longo da úl­tima Série B. O jogador começou a competição atuando como la­teral esquerdo, enquanto Gas­tón ainda não havia sido regu­larizado. Fez a maior parte dos jogos como lateral direito e ain­da apareceu algumas vezes no ataque, atuando como ponta.

“O ano foi muito importante para mim por causa do ama­durecimento que eu tive, tan­to pessoal quanto profissional. Aprendi muito na parte tática com o Hemerson Maria. Acre­dito que em alguns momen­tos as pessoas focam muito no resultado e esquecem do desempenho, mas eu sei que meu desempenho em campo evoluiu muito. Espero que no ano que vem a gente possa se­guir melhorando e que o Vila conquiste seus objetivos”, des­tacou o jogador.

Na última temporada, Ma­guinho foi um dos jogadores que mais vezes vestiu a camisa do Vila. Ao todo foram 53 jogos e um gol marcado. Para 2018, o lateral espera a manutenção do elenco e um Tigre forte para conquistar os seus objetivos.

“A permanência da maioria dos jogadores será muito im­portante, a gente já se conhece, sabe do perfil de cada atleta do grupo e as principais caracterís­ticas da nossa equipe. O fato de o professor Hemerson ficar tam­bém é algo que deve ser muito comemorado. Ele é um dos me­lhores treinadores com quem eu já trabalhei, em todos os aspec­tos. Realmente a diretoria come­çou o planejamento com o pé direito. Agora, esperamos con­tinuar usufruindo de tudo que ele possa nos ensinar.”, disse o dono da camisa 2.

 

Comentários

Mais de Esportes