Esportes

Neymar marca três em goleada do PSG e alcança Kaká

diario da manha
Sobre o Estrela Vermelha, jogador chegou a 30 gols na Liga dos Campeões(foto:divulgação)

Em uma grande partida de Neymar, o Paris Saint-Germain go­leou o Estrela Vermelha e se recupe­rou na Liga dos Campeões após ter estreado com derrota para o Liver­pool. O time francês superou a equi­pe da Sérvia por 6 a 1, no Parque dos Príncipes. Neymar, três vezes, Cava­ni, Di María e Mbappé fizeram os gols do triunfo. Marin descontou.

Com o resultado, a equipe de Thomas Tuchel vai a três pontos no grupo C, enquanto o Estrela Vermelha segue com um ponto. Além disso, o craque da Seleção chegou a 30 gols na Champions League, empatando como Kaká como o segundo brasileiro com mais gols na competição. Rivaldo, com 31 gols, é o primeiro colocado.

Precisando do resultado, a equipe parisiense começou a par­tida pressionando o adversário e chegou ao seu primeiro gol aos 19 minutos. Em falta frontal, Neymar colocou a bola um pouco abaixo do ângulo esquerdo e saiu para a comemoração.

Três minutos depois, Rabiot roubou a bola no campo de ata­que. Neymar tocou para Mbap­pé, que entrou na área pelo lado direito e cruzou. O camisa 10 in­filtrou na área e finalizou de pri­meira para estufar as redes adver­sárias pela segunda vez.

A equipe de Tomas Tuchel voltou a ampliar o placar aos 36 minutos. A defesa do Estrela Vermelha não conseguiu tirar a bola da área e ela sobrou para Cavani. O uruguaio ti­rou a marcação dentro da área e ar­rematou de esquerda.

O quarto gol do Paris Saint-Ger­main saiu ainda na primeira etapa. Meunier deu passe de três dedos e deixou Di María cara a cara com o goleiro. O argentino só deu um leve toque para deixar o confronto em 4 a 0. O placar só não foi mais elás­tico porque Borjan fez boas defe­sas, inclusive evitando um golaço de Neymar, que havia dado uma ca­neta no adversário dentro da área.

Na volta do intervalo, os man­dantes mantiveram o ritmo for­te e criaram muitas oportunida­des. Entretanto, o gol só saiu aos 24 minutos. Neymar tocou para Bernat, que cruzou para o meio da área. Cavani deu o toque para Mbappé apenas empurrar.

O Estrela Vermelha conseguiu descontar aos 28 minutos. Ebecilio recebeu na intermediária e passou para Marin, que recebeu dentro da área e bateu forte e no alto.

Em seu último lance na partida, aos 35 minutos, Neymar fez mais uma cobrança de falta monumen­tal para deixar a partida em 6 a 1. Logo em seguida, ele foi substituí­do por Draxler. Minutos depois, Ca­vani chegou a balançar as redes ad­versárias novamente, entretanto o impedimento foi marcado.

Comentários

Mais de Esportes