Esportes

Inter elimina o Atlético Goianiense da Copa do Brasil

diario da manha
(Foto: Reprodução/Twitter Oficial do Internacional-RS) Fonte: Sagres Online. https://sagresonline.com.br/atletico-sofre-a-segunda-derrota-para-o-inter-rs-e-e-eliminado-da-copa-do-brasil/ .

O Inter vence o Atlético Goianiense por 2 a 1, nesta terça (03), no estádio Beira-Rio, em jogo de volta das oitavas de finais da Copa do Brasil. Os gols foram feito pelo Thiago Galhardo e Rodinei. Rubro-Negro descontou com Júnior Brandão.

Com a derrota o Dragão e eliminado da Copa do Brasil. O time goiano precisava vencer o Colorado por dois gols de diferença, ou apenas um, para decidir a vaga nos pênaltis.

Com a vitória o Inter segue na competição, e aguarda os classificados restantes da competição e também o sorteio da CBF para saber quem será o adversário da próxima fase.  

Primeiro tempo

Os dois times começaram a etapa inicial com boa marcação, mas erraram muitos passes, principalmente o Dragão que teve 55 passes incompletos, quanto o Colorado fez 39.

A única chance de gol foi à finalização de Nonato, que parou na grande defesa do goleiro Jean do time goiano.

Não foi desta vez

No segundo tempo o Colorado melhorou de desempenho com a entrada de Ednilson e o atacante Thiago Galhardo. E aos 9 minutos, o artilheiro da competição abre o placar, após falha do goleiro Jean.

Aos 31, Rodinei amplia o marcador fazendo um golaço. Júnior Brandão desconta aos 39, para o Rubro-Negro. Após o gol o time goiano partiu para cima, mas não conseguiu reverter o resultado.

As duas equipes voltam a jogar neste final de semana, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Atlético Goianiense recebe o Corinthians no sábado, em Goiânia e o Internacional enfrenta o Coritiba no Beira-Rio no domingo.

Escalações:

Internacional: Marcelo Lomba; Rodinei, Pedro Henrique (Zé Gabriel), Víctor Cuesta e Moisés; Musto, Praxedes, Nonato e D’Alessandro; Leandro Fernández e Thiago Galhardo.

Técnico: Eduardo Coudet

Atlético Goianiense: Jean; Luan Sales, João Víctor, Éder e Nicolas; Willian Maranhão, Baralhas, Chico e Janderson; Hyuri e Matheus Vargas.

Técnico: Eduardo Souza.

Árbitro: Felipe Fernandes de Lima

Cartão amarelo: Internacional: Yuri Alberto e Nonato. Atlético Goianiense: Gilvan e João Victor.

Comentários