Esportes

Com classificação e liderança garantidas, Brasil enfrenta o Equador em Goiânia

Equatorianos precisam vencer no Olímpico para garantir o avanço ou torcer por uma derrota da Venezuela em caso de tropeço

diario da manha
Brasil já está classificado à próxima fase da Copa América (Foto: André Durão/ge)

O Brasil, classificado à próxima fase e com a primeira colocação assegurada, encara o Equador neste domingo (27) às 18h no Estádio Olímpico de Goiânia, pela quinta e última rodada da fase de grupos da Copa América.

A Seleção venceu todas as três partidas até aqui: 3 a 0 sobre a Venezuela, 4 a 0 contra o Peru e 2 a 1, de virada, ante a Colômbia na última rodada. Já o Equador é o quarto colocado, com dois pontos conquistados em três jogos. Na estreia, perdeu para a Colômbia por 1 a 0 e depois empatou as duas partidas seguintes por 2 a 2, contra Venezuela e Peru.

O Brasil está há dez jogos sem perder, marca que fez Tite superar o próprio recorde de triunfos seguidos com a seleção. A marca se aproxima ao recorde histórico de Zagallo, que venceu 14 partidas seguidas no comando da esquete canarinho, em 1997.

Para a partida de domingo, a tendência é que o treinador brasileiro repita a escalação da vitória sobre o Peru, seguindo a ideia de dar rodagem ao elenco. Assim, os atuais campeões da Copa América podem ir a campo com Ederson; Danilo (Emerson), Eder Militão, Alex Sandro (Renan Lodi); Fabinho, Fred, Neymar; Gabriel Jesus (Roberto Firmino), Everton Cebolinha e Gabigol.

O Equador vai com força máxima. A equipe de Gustavo Alfaro precisa vencer para garantir a classificação à próxima fase. Em caso de tropeço, precisa torcer para que a Venezuela não vença o Peru. A La Tri pode ir para a confronto com Galíndez; Angelo Preciado, Arboleda, Hincapié, Estupiñan; Noboa, Moisés Caicedo, Franco, Díaz, Ayrton Preciado e Campana.

Comentários