Esportes

Atlético-GO recebe líder Palmeiras no Antônio Accioly

Dragão, que vem de empate, teve a semana livre para treinos; Verdão chega com sequência de cinco jogos sem perder no Brasileirão

diario da manha
Eduardo Barroca teve a semana livre para trabalhar com os jogadores (Foto: Bruno Corsino/ACG)

Depois de uma semana livre, o Atlético-GO volta a campo neste domingo (18) às 16h para enfrentar o líder Palmeiras no Antônio Accioly. O Dragão ocupa a 10ª colocação com 15 pontos e quer vencer para se aproximar no pelotão superior.

Na última vez que disputou uma partida, no último domingo (11), o Dragão ficou no empate por 1 a 1 com o Juventude no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul. Com o meio da semana separado para as disputas da Libertadores e Sul-Americana, Eduardo Barroca pode ter um período mais longo trabalhar desde que chegou ao clube.

O período de treinos também serviu para o time poder contar com retornos de jogadores lesionados. O atacante Ronald, destaque contra o Corinthians pela Copa do Brasil, se recuperou de uma pubalgia e é opção para o duelo de domingo. Em contrapartida, o meia João Paulo, com lesão muscular ainda é desfalque.

Para o confronto com os paulistas, Zé Roberto – autor do gol rubro-negro contra o Juventude – pode retornar ao time titular na vaga de Lucão. Barroca também pensa na possibilidade de voltar para Natanael para a lateral, sacando Igor Cariús e escalando mais um atacante. Assim, o Atlético entraria em campo com Fernando Miguel; Dudu, Oliveira, Éder e Natanael; Marlon Freitas, Willian Maranhão e Arthur Gomes; Ronald (Igor Cariús), Zé Roberto (Lucão) e André Luís.

O Palmeiras, que lidera o Brasileirão com 25 pontos conquistados em 11 jogos soma oito vitórias, um empate e duas derrotas. É o dono do segundo melhor ataque com 22 gols marcados e está 100% nos últimos cinco jogos.

Pelo Brasileiro, bateu o Santos em casa por 3 a 2 sem dificuldades na última rodada. No meio de semana, foi ao Chile para enfrentar o Universidad Católica pela Libertadores e voltou com a vitória por 1 a 0.

Abel Ferreira não terá o zagueiro Luan e os atacantes Rony e Luiz Adriano, que estão sob os cuidados do departamento médico. Além deles, Gabriel Menino está com a Seleção Olímpica para a disputa das Olimpíadas.

Caso Abel decida por manter o mesmo time dos últimos jogos, o Palmeiras deve jogar em Goiânia com Weverton, Marcos Rocha, Felipe Melo (Kuscevic), Gustavo Gómez e Matías Viña; Danilo, Zé Rafael, Gustavo Scarpa e Raphael Veiga; Breno Lopes e Deyverson.

Comentários