Esportes

Baiano vence a Taça Brasil de Montain Bike

Goiânia recebeu atletas do Brasil e do mundo, em um dos circuito mais técnico do calendário brasileiro de Montain Bike

diario da manha
Competidores se desafiaram no circuito muito técnico, da 5ª Etapa da Taça Brasil de Montain Bike. Foto Selma Joana da Silva

Neste domingo (25), Goiânia recebeu a Taça Brasil de Cross County de Montain Bike, no Parque do Cerrado (Paço Municipal). A competição contou com aproximadamente 300 competidores, divididos em 26 categorias. E o vencedor da elite masculina foi Ulan Bastos Galinski e no feminino foi Isabella Lacerda.

O evento teve a participação de atletas do Brasil e do mundo, pois a competição valia para o ranking do CBC (Confederação Brasileira de Ciclismo) da UCI (União Ciclística Internacional) e também do Campeonato Goiano. A competição começou às 8h, com as categorias intermediárias e as 12h30 às foi a vez das classes Elite, Sub23 e Junior, tanto masculino e feminino.  

O público acompanhando de perto a decidas dos atletas nas decidas perigosas. Foto: Willi Becker

Taça Brasil contou com o Público presente na competição

A competição contou com a participação do público que além de estarem na arena, também estiveram distribuídos no circuito, mas a maior concentração foi na escadaria, como é chamado pelos aficionados do MTB, que se trata de uma descida muito técnica, em que exigiam muita atenção dos competidores, pois se errassem causaria tombos. 

O torneio teve a presença do Prefeito de Goiânia Rogério Cruz, que interagiu com o público e até comentou que no dia anterior compareceu no circuito de bicicleta, para ver como estava indo a organização. Também foi ele que deu a bandeirada final das categorias Elite masculina e feminina.

Prefeito Rogério Cruz, bandeirando os vencedores das categorias principais. Foto Willi Becker

O vencedor da Elite masculina foi o atleta baiano Ulan Bastos Galinski da equipe Caloi Henrique Avancini Racing, que fez em 7 voltas, 1h30, que são 21 km. Ulan comentou que o circuito é muito técnico, que exige atenção para não fazer força na hora errada para não afogar (perder o fôlego e parar de pedalar).

Na elite feminina, a vencedora foi Isabella Lacerda, de Minas Gerais, que fez 17 km em 1h37, sendo 6 voltas no circuito. Ela voltou há um ano após ter filho, e a segunda prova que participou e a primeira vez em Goiânia. E comentou que a prova foi muito boa e duro o circuito, que é muito bom para testar seu nível, pois está se preparando para participar da Copa do Mundo MTB que se realizará em Petrópolis-RJ no ano que vem.

Comentários