Esportes

Tóquio monitora 21 pessoas que tiveram contato com infectados por covid-19

Ao todo, de acordo com Masa Takaya, porta-voz do Comitê, até esta segunda-feira, foram totalizados cerca de 60 casos positivos de covid-19 em pessoas relacionadas aos Jogos

diario da manha
Foto: Arquivo

O Comitê Organizador Local da Olimpíada de Tóquio confirmou que 21 pessoas, atletas em sua maioria, tiveram contato direto com os jogadores da África do Sul que testaram positivo para o novo coronavírus. Seguindo o protocolo de contenção de surtos da doença, essas pessoas foram isoladas. Elas devem permanecer em seus quartos sozinhos, com transporte exclusivo para as áreas de treinamento e competição, além da realização diária de testes PCR.

Ao todo, de acordo com Masa Takaya, porta-voz do Comitê, até esta segunda-feira, foram totalizados cerca de 60 casos positivos de covid-19 em pessoas relacionadas aos Jogos. A maioria delas é residente no país asiático. Na Vila Olímpica, há três casos identificados na delegação sul-africana.

“Sobre a participação da equipe da África do Sul o que posso dizer é que temos protocolos rigorosos, medidas adicionais vão ser implementadas. Os atletas que tiveram contato direto fazem testes diários. PCRs foram feitos no domingo e todos deram negativos, mas vão repetir os PCRs diariamente”, informou Masa Takaya, que também explicou o procedimento para as delegações antes de atuarem nos Jogos.

“Gostaria de acrescentar também que, antes dos treinos e das competições, seis horas antes, um novo teste PCR deverá ser realizado pelos atletas. Se o resultado for negativo, os atletas poderão participar da competição. Essas são as regras rigorosas que aplicamos. Graças a essas medidas, poderemos saber quem poderá participar das competições”, afirmou.

Antes da cerimônia de abertura da Olimpíada, que acontece no dia 23, algumas modalidades já iniciam suas partidas. Nesta terça-feira, as donas da casa enfrentam a Austrália pelo torneio de softbol. Na madrugada de quarta-feira também tem início a participação do futebol feminino. A seleção brasileira enfrenta a China, às 5h.

Leia também:

Comentários