Internacional

Italiano suspeito de 160 estupros é preso na França

diario da manha

Após um mandado de prisão europeu ser emitido pela Alemanha, um italiano de 52 anos foi preso dia 16 de Outubro em Rumersheim-le-Haut, perto de Estrasburgo, onde é suspeito de ter cometido 160 estupros segundo a polícia.

Ele é suspeito de ter estuprado ou abusado sexualmente de filhos de suas companheiras, entre os anos de 2000 à 2014. A Alemanha abriu 122 inquéritos contra ele, relativas a 160 atos de estupro ou agressão sexual contra menores,

De acordo com elementos adicionados à Brigada Nacional de Busca de Fugitivos (BNRF), já que esse suspeito havia fugido da Alemanha para se estabelecer na Alsácia, Cosimo Chionna, teria estuprado sua filha desde Novembro de 2000 durante 10 anos

O homem é suspeito de ter, de 2000 a 2014, estuprado ou abusado sexualmente de filhos de suas companheiras. A Alemanha abriu 122 investigações contra ele, relativas a 160 atos de estupro ou agressão sexual contra menores.

Foi adicionado à Brigada Nacional de Busca Fugitiva (BNRF) acrescentando que este indivíduo havia fugido recentemente do Alemanha para se estabelecer na Alsácia, e que Cosimo Chiona teria estuprado sua filha desde Novembro de 2000 durante 10 anos, ao mesmo tempo que teria feito o mesmo com os filhos de outras companheiras.

No dia 16 de Outubro ele foi preso na casa de uma de suas companheiras. Desconhecido na França ele está encarcerado na Prisão Colmar até que seja entregue às autoridades alemãs.

Comentários