Coronavírus

China pede para população estocar alimentos após ameaça no fornecimento devido ao clima e a covid-19

O alerta gerou ansiedade e preocupação nas últimas semanas

diario da manha
Bandeira da China em Pequim - Reuters / Thomas Peter

O governo chinês nessa semana, emitiu um alerta as autoridades locais, sobre uma possível ameaça no fornecimento de alimentos e itens diários em razão do clima e da crise energética do país. Diante disso, as autoridades pediram às pessoas que estoquem alimentos e itens essenciais do dia a dia, em razão de uma possível ameaça no fornecimento devido ao clima desfavorável, a falta de energia e as restrições contra a Covid-19.

Também foi pedido que eles garantissem que as famílias tenham o “suprimento adequado” de produtos essenciais para o inverno e para a próxima primavera. Os governantes locais devem manter os preços estáveis, já que o custo dos vegetais disparou em toda a China devido a chuvas excepcionalmente fortes que prejudicaram as safras.

O Ministério do Comércio do país emitiu um aviso com instruções aos governos locais para encorajar as pessoas a estocarem “necessidades básicas”, incluindo verduras e vegetais, óleos e aves. O alerta, gerou ansiedade e preocupação nas últimas semanas.

Para acalmar a população um funcionário do Ministério do Comércio disse que “os suprimentos diários para as pessoas são suficientes e podem ser totalmente garantidos”. A China enfatizou a importância de aumentar a disponibilidade de alimentos e outros suprimentos diários no passado.

Com informações do CNN*

Leia Também

Comentários