Opinião

A vida, a flecha e as penas

diario da manha

Fernando Losi Especial para  Opiniãopública

Outro dia, li o seguinte: “Cada dia novo é como se fosse uma flecha, que vai e não volta mais. Vamos estique o arco, concentre-se. Coragem guerreiro”(sic)
Será que é assim mesmo? Se for, queria me ater no direcionamento da flecha! O que dá a ela direcionamento? Acho que são aquelas peninhas que existem na parte de trás, tecnicamente conhecidas por aletas, e leigamente chamadas de peninhas mesmo.
Se nossa vida fosse mesmo uma flecha, o que nos daria a direção? O que seriam essas peninhas em nossas vidas? Deus? Nossa família? Nossos filhos? Amores talvez? Já sei, dinheiro! Não?
O que sei é que são poucas e pequenas, o que me faz pensar que devemos selecionar bem nossas prioridades! E que são pequenas… Será que o sentido da vida está nas pequenas coisas?
Ouvi dizer que “ninguém tropeça em montanha, o que nos faz tropeçar são os pedregulhos”. Sábio isso! Quem direciona os grandes navios é o leme, relativamente pequeno em comparação à enorme embarcação!
Vou começar observar as pequenas coisas então! E torcer para não fazer delas, grandes.

(Fernando Losi, diretor artístico da Rádio Voz FM)

Comentários

Mais de Opinião

27 de outubro de 2018 as 22:23

Brasília – Prazo de validade vencido

27 de outubro de 2018 as 21:44

A estratégia de Pedro

27 de outubro de 2018 as 21:18

Bom dia, Brasil

26 de outubro de 2018 as 21:35

As propostas de Bolsonaro

26 de outubro de 2018 as 21:34

Ensaio sobre a criação do espaço

26 de outubro de 2018 as 21:33

Um amor de Goiânia

26 de outubro de 2018 as 21:32

Brasil e totalitarismo

26 de outubro de 2018 as 21:07

Esses corregedores do CNJ são uma piada

26 de outubro de 2018 as 21:00

O voo do DM

26 de outubro de 2018 as 20:57

Casos de câncer de mama sobem no País

26 de outubro de 2018 as 20:53

O Brasil pede socorro à CNBB!

26 de outubro de 2018 as 20:49

O direito de sonhar