Opinião

Palavra do POVO

Bolsa Manifestação

Na manifestação de ontem em São Paulo e várias outras cidades do Brasil, promovida pelas centrais sindicais no intuito de reforçar o baixíssimo conceito que atualmente atinge a presidente Dilma Rousseff, do PT, com o seu prestigio lá no quinto sub-solo, mesmo com a oferta do “Bolsa Manifesto” pago pelos sindicatos não foi suficiente para convencer a população que assistiu um pequeno número de manifestantes que ainda reclamavam da falta da mortadela nos seus pãezinhos secos e sem nada e que os ônibus que os transportaram não eram de boa qualidade.
(Benone Augusto de Paiva, via e-mail)

Rapinantes

É sabido que, de quatro em quatro anos, no mês de outubro, rapinantes de todo o território nacional começam a se preparar para migrarem rumo ao Planalto Central, precisamente para Brasília/DF, em busca de uma vida fácil. Quando conseguem alçar voos, chegam ao destino no mês de janeiro. A Praça dos Três Poderes e a Esplanada dos Ministérios são os locais onde os bandos se aninham e fazem muita sujeira. Esses vertebrados são dotados de muita esperteza. Com bicos afiados e excelente visão, caçam preferencialmente cofres públicos. Todo cuidado é pouco. Gritemos para espantá-los.
(Jeovah Ferreira, via e-mail)

Manifestação em São Paulo

Ontem, dia 15 de março de 2015, houve uma manifestação na Av. Paulista, em São Paulo, reunindo mais de um milhão de participantes em que estiveram presentes em protestos, tomando totalmente os espaços da Paulista de ponta a ponta e também das ruas transversais num protesto contra as corrupções do governo petista e seus desmandos.
(Benone Augusto de Paiva, via e-mail)

Manifestantes

Manifestantes pró-Dilma – da CUT, MST e outros que não trabalham, alegando ser pró-Petrobras – se reuniram em 24 Estados. Só poderia ser este número: no jogo do bicho, 24 é o número do viado. Quero ver se o número se mantem após domingo, porque em todos Estados vão haver manifestações pró-ética e contra a Dilma e o PT e a roubalheira. Dia 15, vamos salvar a Petrobras e as estatais.
(Mário A. Dente, via e-mail)

Difícil de engolir

É difícil engolir o blá-blá-blá do ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, mais difícil ainda, engolir o nhem-nhe-nhem do ministro chefe da Secretaria-Geral da presidência do Brasil, Miguel Rossetto, quando disse que eram os eleitores do Aécio que estavam nas ruas. Ministros, não somos idiotas.
(Leônidas Marques, via e-mail)

Déficit de Justiça

A ministra Carmem do STF disse e a mídia divulgou, que no brasil, há um déficit de Justiça, algo parecido com que reiteradas vezes se referiu o ex-ministro Barbosa. Antes tarde do que nunca, mas o estrago já foi feito. Semanalmente, a mídia divulga desvios de conduta. É grave o quadro. A Justiça não pode admitir pontos fora da curva. Legislar em causa própria, do tipo auxílios dos mais diversos, a venda de sentenças, entre outros, devem ser banidos das rotinas dos magistrados. Senão teremos que mudar ou extinguir o termo Justiça.
(Paulo Henrique Coimbra, via e-mail)

A diferença entre a Indonésia e o Brasil

A diferença da Indonésia com o Brasil se restringe muito nas suas leis, nos julgamentos judiciais e nas penas impostas. Na Indonésia, para ser condenado à morte, o réu tem que ser traficante, julgado judicialmente com amplos direitos de defesa e ser condenado à pena fatal. No Brasil, basta ser pobre, ser internado em um hospital com atendimento do SUS e ficar aguardando a hora “h” no corredor da morte.
(Benone A. de Paiva, via e-mail)

Parabéns DM

Parabéns ao Diário da Manhã, pelos trinta e cinco anos de existência e pela oportunidade dada a todos os leitores de externar as mais variadas opiniões. Um grande abraço ao pessoal deste magnífico jornal, daqui de Campinas (SP), a terra do maestro Carlos Gomes.
(Edgard Gobbi, via e-mail)

O blá-blá-blá do governo manifestação

É muita cara de pau dos ministros Cardozo, da Justiça, e do ministro Rosseto dizerem, em amplo diálogo, quando eles não assumem que a situação econômica, a corrupção na Petrobras é por culpa do governo PT. Autocrítica srs ministros e d. Dilma!
(Tânia Tavares, via e-mail)

Comentários

Mais de Opinião

27 de outubro de 2018 as 21:44

A estratégia de Pedro

27 de outubro de 2018 as 21:18

Bom dia, Brasil

26 de outubro de 2018 as 21:35

As propostas de Bolsonaro

26 de outubro de 2018 as 21:34

Ensaio sobre a criação do espaço

26 de outubro de 2018 as 21:33

Um amor de Goiânia

26 de outubro de 2018 as 21:32

Brasil e totalitarismo

26 de outubro de 2018 as 21:07

Esses corregedores do CNJ são uma piada

26 de outubro de 2018 as 21:00

O voo do DM

26 de outubro de 2018 as 20:57

Casos de câncer de mama sobem no País

26 de outubro de 2018 as 20:53

O Brasil pede socorro à CNBB!

26 de outubro de 2018 as 20:49

O direito de sonhar

26 de outubro de 2018 as 20:47

O STF legisla demais