Politica

Doria alfineta Bolsonaro em inauguração de trem chinês, em São Paulo

Na ocasião, Doria não perdeu a oportunidade de dar uma ironizada no presidente Jair Bolsonaro

diario da manha

Nesta quinta-feira (22), o governador do estado de São Paulo, João Doria, realizou a entrega de um novo trem chinês da série 2500, da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM). Na ocasião, Doria não perdeu a oportunidade de dar uma alfinetada no presidente Jair Bolsonaro (Sem partido), ironizando a situação já que Bolsonaro é assumidamente contra qualquer produto vindo da China.

Em uma de suas falas Doria disse” Só tem um passageiro que eu sei que não vai utilizar este serviço: o presidente Jair Bolsonaro, porque ele não usa nada chinês. Então, ele vai preferir um outro tipo de transporte, não irá entrar neste trem que está sendo entregue hoje aqui. Como ele retalia tudo que vem da China, será talvez o único que fará o uso desta estação para usar o novo trem da série 2500”

O motivo da declaração obviamente foi devido Bolsonaro não autorizar a compra das vacinas chinesas contra a covid-19 mesmo que sua eficácia seja comprovada pela Anvisa. Doria ainda afirmou que tal decisão beira uma situação criminal, comparado ao momento que vivemos, em que mais de mais de 155 mil brasileiros morreram em decorrência da covid-19

Comentários