Política & Justiça

Uso do canudo de plástico é proibido em Goiânia

diario da manha

A partir de agora, Goiânia entra para o grupo de cidades que proíbem canudos de plásticos em comércios da capital. O projeto de lei foi sancionado pelo prefeito Iris Resende (MDB) na última sexta-feira (7/06). Após a sanção do projeto, os estabelecimentos tem o prazo de 180 para se adequarem a nova regra, caso algum comercio descumpra a norma, estão previstas multas de R$ 2 mil a R$ 10 mil.

De autoria do vereador Romário Policarpo (Pros), o texto determina que hotéis, bares, restaurantes, lanchonetes e estabelecimentos similares ofereçam canudos biodegradáveis ou recicláveis. “Os canudos plásticos são só aparentemente inofensivos, mas após descartados ficam depositados por séculos na natureza e acabam ingeridos por animais, com impacto muito nocivo especialmente para a fauna aquática”, diz Policarpo.

O projeto de lei foi apresentado pelo parlamentar em junho do ano passado. De lá para cá, passou pela avaliação da Comissão de Constituição e Justiça e pelas duas votações, nas quais venceu com o aval de todos os vereadores. A fiscalização do cumprimento da lei ficará sob responsabilidade da Secretaria Municipal de Fiscalizações (Sefis). Os valores das multas serão revestidos ao Fundo Municipal do Meio Ambiente de Goiânia.

Comentários

Mais de Política & Justiça