Política & Justiça

Bolsonaro sobrevoa Esplanada dos Ministérios na véspera do 7 de Setembro

Procurada, a Secretaria de Comunicação Social da Presidência não informou o itinerário e nem o motivo do trajeto.

diario da manha
Por Lauriberto Pompeu e Matheus de Souza

Na véspera de manifestações em apoio ao governo que prometem renovar críticas e ataques ao Judiciário, o presidente da República, Jair Bolsonaro, fez nesta segunda-feira, 6, um sobrevoo pela Esplanada dos Ministérios. O passeio de helicóptero do presidente ocorre um dia antes dos atos programados para este 7 de setembro.

Em Brasília, os atos serão na Esplanada. Alguns apoiadores de Bolsonaro já começaram nesta segunda a se dirigir para o local, empunhando cartazes com pedidos de fechamento do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Congresso Nacional.

Além da Esplanada, outro local que o chefe do Poder Executivo sobrevoou de helicóptero nesta segunda foi o Parque Leão, no Recanto das Emas, região administrativa do Distrito Federal a cerca de 30 km do centro da capital.

O local é onde parte dos apoiadores do presidente se concentra para os atos de terça-feira. A duração do trajeto foi de aproximadamente uma hora.

Procurada, a Secretaria de Comunicação Social da Presidência não informou o itinerário e nem o motivo do trajeto.

Os compromissos registrados nesta segunda na agenda oficial de Bolsonaro são reuniões com o ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, o subchefe de Assuntos Jurídicos da Presidência, Pedro Cesar Sousa, e o ministro das Relações Exteriores, Carlos França.

Rolls-Royce-

Antes do passeio helicóptero, Bolsonaro também dedicou alguns minutos de sua manhã para tirar fotos com apoiadores enquanto posava dentro do Rolls-Royce da Presidência.

O carro não chegou a dar partida, mas o presidente chamou apoiadores que estavam na entrada do Palácio da Alvorada para posarem ao seu lado. Bolsonaro chegou a tirar algumas fotos dentro do veículo. O presidente estava acompanhado do deputado Hélio Lopes (PSL-RJ).

Em um momento de maior animação, o presidente pediu que todos os homens saíssem do enquadramento da foto. “Só as mulheres aqui”, pediu.

Comentários