Política & Justiça

Vereador chama colega de canalha após Câmara aprovar aumento do número de vereadores

Confusão ocorreu após a comissão mista aprovar a proposta que aumenta de 35 para 39 o número de vereadores na Câmara

diario da manha

A sessão da Câmara Municipal que aprovou a proposta que aumenta o número de vereadores em Goiânia de 35 para 39 em 2025, terminou com confusão após um parlamentar chamar alguns colegas de canalhas ao usar a tribuna na manhã desta quarta-feira, 22.

A proposta foi apresentada pelo vereador Clécio Alves (MDB) que colheu as assinatura dos parlamentares favoráveis a proposta, um total de 12 assinatura foram recolhidas e assim o projeto foi aprovado.

No entanto, a sessão que era para ser tranquila ficou conturbada. Isso em razão do vereador Thialu Guiotti (Avante) ter usado a Tribuna na data de hoje e defender o projeto.

Além de defender o aumento das quatro vagas para a Câmara Municipal, o parlamentar foi taxativo ao chamar outros colegas do parlamento de canalhas. Veja o vídeo do momento que o vereador faz a sua defesa e chama alguns colegas de canalhas:

Após a fala de Thialu Guiotti uma discussão entre ele e o vereador Ronilson Reis (Podemos) teve início na sessão, que chegou a ser interrompida.

Não sou canalha, diz Ronilson Reis após afirmações de Thialu Guiotti sobre aprovação da Comissão Mista que aumenta o número de vereadores

A reportagem entrou em contato com os vereadores e por meio de sua assessoria Ronilson Reis afirmou que é sim contrário a proposta de aumento do número de vereadores na Câmara Municipal.

De acordo com o parlamentar, o colega ficou ofendido pois, acreditava que ele seria favorável ao aumento do número de vereadores. “Eu não sou favorável a aumento de cargos, eu não sou favorável a aumento de vagas de vereadores, não há essa necessidade. Mas, eu me posicionei e ele me chamou de canalha e tal. E no calor da emoção ali a gente começou a discutir. Eu falei para ele que eu não era canalha não, que ele me respeitasse, que eu tenho o meu posicionamento. E o meu posicionamento tem que ser respeitado”, afirma.

Ronilson termina a sua fala ao afirmar que respeita aqueles que são favoráveis a proposta, e diz que não está preocupado com quem é favorável ao projeto. “Eu não estou preocupado com quem vota favorável não, isso é problema dele. Ele vai ter que dar satisfação é para os eleitores dele, eu voto ao contrário. Agora eu não sou canalha não, porque voto favorável não… Eu um cara que fala que ganhou a eleição sem dinheiro, que ganhou nas propostas, então se ele tem público para isso, ele tem eleitor que aceita essas aberrações, aumento de gasto, ai beleza, esses eleitores são deles. Agora os meus eleitores, que votam em mim não admitem isso”.

O DM procurou o vereador Thialu Guiotti para falar sobre o ocorrido, mas até o momento não houve resposta do mesmo. O espaço fica aberto para que o parlamentar possa se posicionar sobre o caso.

Leia também:

Comentários