Política & Justiça

Mapa do Turismo em Goiás passa a contar com 92 cidades

De acordo com o mapa divulgado pela Goiás Turismo, 19 cidades entraram para a lista e outras seis deixaram a mesma, por não apresentarem os documentos exigidos pelo Ministério do Turismo

diario da manha

O Mapa do Turismo em Goiás foi divulgado na última segunda-feira, 28, pelo governo do Estado, no levantamento, 92 cidades passam a integrar o Mapa que foi distribuído em 10 regiões turísticas sendo elas: Vale do Araguaia, Ouro e Cristais, Chapada dos Veadeiros, Negócios e Tradições, Pegadas no Cerrado, Estrada de Ferro, Lagos do Paranaíba, Águas e Cavernas do Cerrado, Vale da Serra da Mesa e Águas Quentes.

Conforme a Agência Estadual de Turismo, Goiás Turismo, seis municípios deixaram o mapa por não apresentarem a documentação exigida pelo Ministério do Turismo e outras 19 entraram na lista. De acordo com as informações, na última listagem, 79 cidades integravam o Mapa em Goiás.

Com a nova atualização passam a fazer parte do Mapa do Turismo em Goiás as cidades de Anicuns, Buriti de Goiás, Buritinópolis, Cocalzinho, Divinópolis, Doverlândia, Flores de Goiás, Guarani de Goiás, Ipameri, Itapuranga, Luziânia, Mossâmedes, Nova Roma, Nova Veneza, Novo Gama, Palmelo, Posse, Simolândia e Uruana. Enquanto Aparecida de Goiânia, Caldazinha, Catalão, Portelândia, Terezópolis de Goiás e Urutaí deixam o mapa, por não terem enviado a documentação. E a cidade de Baliza mudou de região e agora vai integrar a região de “Pegadas no Cerrado”.

O Ministério do Turismo exige que as cidades que compõem o mapa tenham um órgão ou uma entidade responsável pela área, ter um conselho municipal de turismo ativo e comprovar a existência de uma Instância de Governança Regional. Vale ressaltar que todos os dados dos municípios goianos foram validados pela Goiás Turismo e homologados pelo Ministério.

Recorte do Mapa do Turismo em Goiás era esperado para 2021, mas teve atraso devido a pandemia

O coordenador de estruturação de destinos e produtos turísticos da Goiás Turismo, e interlocutor do Programa de Regionalização do Ministério do Turismo, Luciano Guimarães, essa nova configuração era para ter sido feita em 2021, mas sofreu atrasos por conta da pandemia.

“Esse recorte territorial possibilita o direcionamento de verba federais, e é um instrumento importante para aprimorar a gestão do Turismo e promover o desenvolvimento do setor, em Goiás”, salienta Guimarães.

Por sua vez, o presidente da Goiás Turismo, Fabrício Amaral, ressaltou que o governo estadual aposta no fortalecimento das governanças regionais e que foram feitos investimentos na qualificação e planejamento. Amaral lembra também do Programa Turismo 4.0 lançado em parceria com o Sebrae, e que no ano passado a pasta esteve nas dez regiões turísticas, onde os gestores foram ouvidos, e a Goiás Turismo levou capacitação, o que permitiu o setor avançar muito, mesmo durante a pandemia.

Confira os municípios que integram o Mapa do Turismo Brasileiro/ Goiás:

Região Turística da Chapada dos Veadeiros : Alto Paraíso de Goiás, Cavalcante, Colinas do Sul, São João d’Aliança, Teresina de Goiás

Região Turística da Estrada de Ferro : Bonfinópolis, Goiandira, Ipameri, Leopoldo de Bulhões, Orizona, Palmelo, Pires do Rio, Santa Cruz de Goiás, Silvânia, Vianópolis

Região Turística das Águas e Cavernas do Cerrado : Buritinópolis, Damianópolis, Divinópolis de Goiás, Flores de Goiás, Formosa, Guarani de Goiás, Mambaí, Nova Roma, Posse, São Domingos, Simolândia

Região Turística das Águas Quentes: Caldas Novas, Piracanjuba, Rio Quente

Região Turística do Ouro e Cristais: Abadiânia, Alexânia, Buriti de Goiás, Campos Verdes, Cocalzinho de Goiás, Corumbá de Goiás, Cristalina, Goianésia, Goiás, Itapuranga, Jaraguá, Luziânia, Mossâmedes, Novo Gama, Pirenópolis, São Francisco de Goiás, Uruana, Valparaíso de Goiás, Vila Propício

Região Turística dos Negócios e Tradições: Anápolis, Anicuns, Bela Vista de Goiás, Goiânia, Hidrolândia, Nerópolis, Nova Veneza, Trindade

Região Turística Lagos do Paranaíba: Buriti Alegre, Cachoeira Dourada, Caçu, Itumbiara, Lagoa Santa, Quirinópolis , São Simão, Três Ranchos

Região Turística Pegadas no Cerrado: Aurilândia, Baliza, Bom Jardim de Goiás, Caiapônia, Chapadão do Céu, Doverlândia, Jandaia, Jataí, Maurilândia, Mineiros, Paraúna, Perolândia, Piranhas, Rio Verde, Santa Rita do Araguaia, Serranópolis, Turvelândia

Região Turística Vale da Serra da Mesa: Minaçu, Niquelândia, Padre Bernardo, Porangatu, Uruaçu

Região Turística Vale do Araguaia: Aragarças, Aruanã, Britânia, Mundo Novo, Nova Crixás, São Miguel do Araguaia.

Leia também:

Comentários