Política & Justiça

Justiça arquiva inquérito contra Sandes Júnior

.

diario da manha
Sandes Júnior: livre de denúncia de improbidade

A Justiça determinou o arquivamento de um inquérito aberto contra o vereador de Goiânia e ex-deputado federal João Sandes Júnior (PP), em 2014, por suposto crime contra a administração pública. A investigação buscava esclarecer a ligação do parlamentar com o uso de dois ônibus destinados a alunos participantes da Paralimpíada Escolar pela delegação da equipe de juniores do Atlético Clube Goianiense para competir na Taça São Paulo de Futebol Júnior. Na ocasião, o filho de Sandes, João Sandes Neto, era jogador do clube.

O pedido de arquivamento, enviado pela defesa de Sandes por meio do escritório Demóstenes Torres Advogados, foi aceito pela 5ª Vara Criminal, com base em entendimentos da Delegacia de Repressão a Crimes contra a Administração Pública (Dercap) e da 48ª Promotoria de Justiça de Goiânia. Para a Dercap, não houve indícios de prática criminosa ou prejuízo ao erário.

Segundo a denúncia, Sandes Júnior teria solicitado o uso de recursos da Agência Goiana de Esportes e Lazer (AGEL) para atender aos interesses privados na viagem. O parlamentar, no entanto, defendeu-se declarando que não possui influência nos processos licitários da Agel ou de outros órgãos do Estado de Goiás, nem poderes para destinar quaisquer pagamentos.

Comentários