Política & Justiça

Com aprovação de 59%, Caiado lidera disputa para Governo de Goiás

Resultado mostra Ronaldo Caiado como líder isolado na pesquisa estimulada. Levantamento consolida Marconi Perillo na segunda colocação em luta pelo quinto mandato como governador e revela estagnação de Mendanha há pouco mais de 120 dias da disputa

diario da manha
Ronaldo Caiado: liderança na disputa por mandato

O governador Ronaldo Caiado (UB) lidera a pré-campanha pelo Governo de Goiás com 33% das intenções de voto, conforme sondagem da Real Time Big Data divulgada na quinta-feira, 26. Em segundo, na busca pelo quinto mandato, aparece o ex-governador Marconi Perillo (PSDB), com 18%. Gustavo Mendanha (Patriota) registra 16%.
Na sequência aparece Vitor Hugo (PL), Vanderlan Cardoso (PSD) e Wolmir Amado (PT), com 8%.
Analistas políticos estranharam a inclusão do senador Vanderlan na sondagem, uma vez que nenhum outro instituto fez tal inserção na cartela de estimulada e ele tem negado que disputaria o governo – seu partido PSD também não demonstra tal interesse. A inclusão do nome é uma escolha do pesquisador. Apoiado por Ronaldo Caiado na disputa pela prefeitura de Goiânia, em 2020, Vanderlan teria indicado que apoiaria a reeleição do governador, como forma de retribuir a conduta do governador.
A pesquisa é semelhante em resultados à sondagem da Brasmarket, divulgada há dez dias, em que Caiado aparece com folga na liderança.
Indica também que Gustavo Mendanha não consegue avançar em seu projeto de conquista do Palácio das Esmeraldas, já que sua pontuação repete aquela que tradicionalmente somam os candidatos de oposição, qualquer nome que esteja em campanha. Mendanha é o pré-candidato que há mais tempo realiza atos voltados para estas eleições.
Se a candidatura dele perder mais fôlego nas próximas semanas pode ser que Marconi assuma a obrigação de representar a oposição nas eleições de outubro, ainda que a Real Big Data mostre o tucano como o político mais rejeitado da disputa – fator determinante numa eleição. O plano A de Marconi seria o Senado, sondagem que, inclusive, lidera.

Aprovação

O governador Ronaldo Caiado tem aprovação de 59% dos entrevistados ante 37% que desaprovam seus atos de governo.
O estudo foi realizado com 1500 pessoas e registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o n. GO.02079/2022.

Resultado polêmico para Senado

A pesquisa Real Time Big Data fez também sondagem para o Senado e trouxe resultados discrepantes com o Instituto Brasmarket, divulgado no dia 20. Nele, Delegado Waldir lidera com 24,1%. Marconi teria 19,6%.
Na sondagem divulgada quinta-feira pela Real Time, Marconi lidera com 27%, seguido por João Campos (Republicanos), com 9%. Alexandre Baldy (PP) aparece com 8%, seguido de Delegado Waldir (UB), com 7% e Wilder Morais, com 5%. Chama atenção de analistas a diferença referente ao delegado – que em um instituto lidera e noutro ocupa fileiras pouco expressivas.
O mesmo instituto errou na sondagem para o Senado, em 2018, quando, dias antes das eleições, disse que Marconi Perillo venceria com 32%, seguido de Jorge Kajuru, com 31%. Na época, o resultado foi a eleição de Vanderlan Cardoso em primeiro, seguido de Kajuru. Marconi ficou apenas em quinto lugar, com 7,37% – bem distante – e fora de qualquer margem de erro – dos 32% apontados pelo estudo.
O Real Time Big Data já fez levantamento em fevereiro e deixou de fora o candidato Delegado Waldir (UB). Agora, deixou de fora o senador Luis do Carmo (PSC), que disputa com João Campos o mesmo segmento – evangélico.

Comentários