Saúde

Campanha "Veteranos Sangue Bom", de ajuda ao Hemocentro, será dia 30 de março na Praça Cívica

Iniciativa tem apoio do Governo de Goiás e busca aumentar estoque de bolsas de sangue

diario da manha

Os estoques de sangue do Hemocentro de Goiás estão necessitando de reforço. Segundo a diretora-geral, Denyse Goulart, as doações caíram por causa da pandemia, mas a demanda não. Com o apoio da Vice-Governadoria de Goiás, a Unidade Móvel do Hemocentro, em parceria com Associação de Praças da Reserva do Exército – APREx Goiânia, estará na terça-feira (30/3), na Praça Cívica, para a realização da campanha “Veteranos Sangue Bom”.

A ação é nacional e em Goiás será realizada das 8 às 16 horas. A meta é reforçar a doação de sangue para manter os estoques dos bancos de sangue do estado. O vice-governador Lincoln Tejota apoia a iniciativa e destaca a solidariedade dos veteranos do Exército Brasileiro. “Eles estão sempre presentes nos momentos que a sociedade brasileira mais precisa”, assinala Tejota.

Dados da Hemorrede em Goiás mostram que o número de doadores voluntários caiu e a coleta está 32% abaixo do ideal. O coordenador da ação “Veteranos Sangue Bom”, soldado Wilson Cardoso da Silva, disse que a ideia é somar forças para salvar vidas.

Por causa da pandemia de Covid-19, a doação de sangue deverá ser agendada pelo site agenda.hemocentro.org.br ou pelo telefone 0800 642 0457. Todo cuidado sanitário de desinfecção e distanciamento entre os doadores é adotado pelo Hemocentro.

Podem doar sangue pessoas entre 16 e 59 anos e que estejam pesando mais de 50kg. Além disso, é preciso apresentar documento oficial com foto e menores de 18 anos só podem doar com consentimento formal dos responsáveis.

Leia também:

Comentários