Saúde

Combate às drogas é tema de palestra na Policlínica de Formosa

Ação conscientizou colaboradores e pacientes sobre a necessidade de combater as questões sociais originadas pelas drogas ilícitas

diario da manha

Em alusão ao Dia Internacional de Combate às Drogas, comemorado em 26 de junho, a Policlínica Estadual da Região do Entorno – Formosa promoveu uma palestra sobre o tema com a finalidade de conscientizar os colaboradores e pacientes, ressaltando a necessidade de combater as questões sociais originadas pelas drogas ilícitas.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) caracteriza a dependência química como uma doença. As causas são multifatoriais e as consequências englobam a saúde biopsicossocial. O uso abusivo de drogas transita em diferentes classes sociais, faixas etárias, gênero, etnia, tornando-se um problema de saúde pública em escala internacional.

A palestra foi ministrada pelo médico da família Rafael Dias. Ele destaca que atualmente o uso e abuso de álcool e outras drogas constituem um dos mais importantes problemas de saúde pública no mundo, haja vista a magnitude e a diversidade de aspectos que essa problemática envolve. “Ao longo da discussão evidenciou-se a temática das drogas, partindo do alerta e conscientização da população sobre os malefícios decorrentes do uso indevido dessas substâncias que afetam não apenas o sujeito no aspecto da individualidade, mas a sociedade em sua totalidade”, explicou.

O palestrante reforçou a importância da prevenção e do tratamento, além da significativa relevância da reinserção social do adicto quando este recebe o devido acolhimento, orientação e apoio pelos profissionais da área.“Considerando a relevância social do tema e em atenção à saúde e qualidade de vida dos pacientes e colaboradores, a Policlínica de Formosa manifesta seu apoio ao Dia Internacional de Combate às Drogas, deixando o alerta e o pedido de sensibilização à população sobre a importância da prevenção e do tratamento deste problema de saúde pública”, afirmou Rafael.

O médico ressalta que ao tratar a temática, a unidade não se refere a ela no sentido utópico, mas a um trabalho que deve ser ofertado com seriedade e comprometimento, para a obtenção de resultados satisfatórios em benefício da sociedade.

Comentários