Segurança

Modelo acusa MC Lan de estupro

O cantor MC Lan foi acusado suspeito de violentar a modelo Jhady França durante uma reunião de proposta de emprego

diario da manha
(Foto: Instagram)

De acordo com informações divulgadas pelo UOL, a cantora e modelo Jhacy França acusa o funkeiro Caio Alexandre Cruz, MC Lan, de estupro. Segundo a modelo, ela havia ido à casa do artista tratar de uma oportunidade de emprego. Além disso, a modelo registrou boletim de ocorrência ainda nesse domingo (7), no 49º DP, na zona leste de SP.

No entanto, ao chegar no local, o cantor havia oferecido maconha e, ao recusar a droga ilícita, ela aceitou uma bebida alcóolica. Contudo, ao se afastar do copo para ir ao banheiro, a modelo relatou também passar mal ao tornar a ingerir a bebida. Em entrevista ao UOL, Jhacy contou os momentos de tensão.

“Fiquei com o coração que parecia que ia sair pela boca. Fiquei com a boca seca, querendo morder as coisas. Por isso não estou conseguindo falar direito, minha boca está toda machucada de tanto que eu mordi“, afirma a modelo.

Posteriormente, a revista Istoé teve acesso ao documento, no qual indica “estupro de vulnerável”. Além disso, a assessoria do cantor afirmou que “ele se encontra à disposição das autoridades para esclarecer os fatos como realmente aconteceram”. Por outro lado, o MC Lan mostrou-se “perplexo com as acusações”. Deste modo, postou vídeos em suas redes sociais negando as denúncias.

MARCOS DETONA FUNK no Instagram: “@mclan Se No Pronuncio Sobre A Acusação Que Sofreu! . . . . . . . #favelavenceu #funkbrasil #funksp #funk #kondizillaoficial…”

Entretanto, a modelo deixou claro que não pretendia manter relações sexuais com Lan. Deste modo, após o registro do boletim, Jhacy realizou exames de corpo de delito para provar a violência sexual.

Comentários