Tech

Sony vende 10 milhões de unidades do PS5

A empresa alcança recorde de vendas em menos tempo

diario da manha

Sony ultrapassou 10 milhões de consoles vendidos do PlayStation 5 (PS5) no último dia 18 de julho, segundo a empresa, é o console de venda mais rápido de sua história. De acordo com a companhia, o foco deve ser aumentar o estoque, que foi esgotado em muitas lojas, para atender as demandas e todos possam comprar uma unidade do produto.

O lançamento do PS5 foi em novembro de 2020, e superou o sucesso do PS4 em relação ao velocidade das vendas. O preço do PS5 no varejo nacional é de R$ 4.699 com leitor de discos e de R$ 4.199 na versão de mídia digital.

Alguns títulos impulsionaram as vendas do PS5 desde o lançamento e a Sony divulgou os números. Spider-Man: Miles Morales  vendeu mais de 6,5 milhões de unidades. Returnal, ultrapassou 560 mil cópias.

O sucesso de Ratchet & Clank, Rift Apart, por sua vez, já superou 1,1 milhão. O jogo de baseball MLB, The Show 2021, vendeu 2 milhões de unidades e quebrou recordes da franquia, além de estar disponível no Xbox One e Xbox Series S/Series X.

A Sony ainda revelou pretensões futuras ao PlayStation 5, com games como God of War Ragnarok (título não oficial), Gran Turismo 7 e Horizon Forbidden West. Além também mencionou jogos de empresas parceiras como Battlefield 2042 da Electronic Arts, Far Cry 6 da Ubisoft, Kena: Bridge of Spirits da Ember Lab e Deathloop da Bethesda.

O PS5 se deparou com um mercado bastante diferente em relação ao período anterior à pandemia, no entanto, isso não indica prejuízo na demanda dos consumidores. O console está enfrentando falta de estoque devido à escassez dos chips utilizados na produção, e estão em falta pela alta demanda de eletrônicos neste período.

A nova geração da Sony tem como novidade o SSD para loadings mais rápidos, um suporte à Ray Tracing para uma iluminação mais realista e um novo controle DualSense com gatilhos hápticos que oferecem diferentes níveis de resistência. Além de ser retrocompatível com jogos do PlayStation.

*Com informações do Techtudo

Leia também:

­

Comentários