Brasil

Funcionários da igreja do pastor Valdemiro Santiago entram em greve

Eles denunciam atrasos nos salários, vale-alimentação e não receberem parcelas do FGTS

diario da manha

Os funcionários da Igreja Mundial do Poder de Deus, fundada pelo pastor Valdemiro Santiago, decretaram greve na última quarta-feira, 10, por atrasos nos salários, vale-alimentação e não receberem parcelas do FGTS.

Em nota, o Sindicato dos Radialistas do Estado de São Paulo afirmou que a situação vem se arrastando a tempos sem solução. Conforme os organizadores, a igreja afirmou que iria regularizar a situação em diversas reuniões, mas não cumpriu com o combinado.

Outra acusação é que a instituição não seguiu as medidas sanitárias vigentes durante o período crítico da segunda onda da pandemia. A igreja informou que não vai se pronunciar sobre o caso.

O juiz que investiga o caso disse que há fortes indícios de que a instituição religiosa, fundada por Valdemiro, estaria transferindo seu patrimônio para o apóstolo. A igreja foi criada em 1998 e teria repassado a ele mais de R$ 1,2 milhão só no decorrer de 2020.

Leia também:

Comentários