Cidades

Homem e adolescente são flagrados ao compartilhar vídeos pornográficos infantis

De acordo com a Polícia Civil do Estado de Goiás (PCGO), o homem deixava o computador ligado 24 horas para enviar vídeos, da casa da ex-mulher dele

diario da manha
Foto: Reprodução

Na última terça-feira (12/11), durante a 3ª fase da Operação Meu Zeloso Guardador, um homem de 39 anos e um adolescente de 17 foram conduzidos à delegacia após serem flagrados compartilhando vídeos pornográficos infantis, em Goiânia.

De acordo com a Polícia Civil do Estado de Goiás (PCGO), o homem deixava o computador ligado 24 horas para enviar vídeos, da casa da ex-mulher dele.

A Justiça de Goiás autorizou cinco buscas e apreensões em casas de suspeitos, durante a Operação Meu Zeloso Guardador.

Segundo a delegada responsável pela ação, Sabrina Leles Lima de Miranda, a equipe encontrou 28 gigabytes de material pornográfico infantil no computador do homem, um representante comercial.

Havia 48 horas de vídeos de crianças em situação de exploração sexual e o computador ficava trancado em um quarto no fundo da casa da ex-mulher dele, no Setor Jardim América, em Goiânia.

Pai de adolescente flagrado ao compartilhar vídeos pornográficos infantis deixa filho na delegacia

“Ele não morava mais na casa, e a família não sabia o que tinha dentro do quarto, já que só acusado tinha a chave de acesso”, afirma a delegada. O homem foi levado para a Delegacia de Repressão a Crimes Cibernéticos (Dercc) e está preso em uma cela provisória da Delegacia de Captura.

Segundo a polícia, o adolescente está apreendido na Delegacia de Apuração de atos Infracionais (Depai). Os pais do menor compareceram a delegacia e acompanharam o depoimento do filho.

A delegada Sabrina Leles afirma que o pai do adolescente resolveu deixá-lo na delegacia, segundo ele, para dar uma lição e para o filho aprender que o que ele fez é errado.

Essa terceira fase da operação Meu Zeloso Guardador durou três meses de investigação. “O resultado é considerado positivo. Na primeira fase tivemos 59 mandados cumpridos e agora tivemos somente cinco, isso mostra que os consumidores desse tipo de material perceberam que a polícia está agindo e pode prendê-los a qualquer momento”, ressalta Sabrina.

Com informações do G1

Comentários

Mais de Cidades

29 de julho de 2019 as 16:33

Nota de Falecimento

15 de maio de 2019 as 15:55

16°CRPM EM AÇÃO

15 de maio de 2019 as 15:53

CPC EM AÇÃO